Celebridades

Morre, aos 30 anos, mulher protagonista do meme da “Bêbada de Curitiba” após dura luta contra câncer

Stephany Rosa, do meme da bêbada de Curitiba
Stephany Rosa, do meme da “Bêbada de Curitiba”, lutava contra um câncer desde 2018 (Foto: Reprodução)

Stephany Rosa, que chegou a criar uma vaquinha na internet, batalhava contra a doença há dois anos, mas não resistiu

Nesta segunda-feira, dia 13, morreu a jovem Stephany Rosa. Para quem não se lembra, a moça ficou conhecida pelo meme da “Bêbada de Curitiba” e conquistou diversos admiradores.

Jornais locais confirmaram o falecimento dela, assim como seus familiares, que manifestaram diversas mensagens de luto nas redes sociais. Como já era de se esperar, a informação foi pega pelos internautas com muita tristeza.

+ O apresentador rasgou o verbo à frente do Alerta Nacional e não se importou em citar os nomes dos “rivais” de audiência

+ William Bonner perde o controle ao vivo no JN, se irrita na bancada e manda na lata: “O Brasil precisa entender”

Stephany Rosa lutava contra um câncer no ovário desde 2018. Ela enfrentou a quimioterapia por mais de um ano e revelou que não estava mais dando conta do tratamento. “É muito invasivo. Eu tenho me sentido muito fraca. Eu fico realmente muito mal”, disse em um vídeo publicado no YouTube no fim do mês de maio.

Diante da situação, a moça chegou a criar uma vaquinha para ajudar em um método menos agressivo e conseguiu arrecadar mais de R$ 120 mil. No entanto, ela não resistiu e foi a óbito.

+ Xuxa, após aparecer em lista escandalosa, é chutada da Record, aparece na Globo e revolta Angélica: “Podre”

Stephany Rosa, do meme da bêbada de Curitiba
Stephany Rosa foi protagonista do meme da “Bêbada de Curitiba” (Foto: Reprodução / YouTube)

O meme

Stephany Rosa ficou muito conhecida em 2012, quando foi presa por dirigir embriagada no dia do próprio aniversário. Ainda bêbada, ela cedeu uma entrevista hilária à Record e ao SBT, que viralizou e conseguiu milhões de acessos na internet.

Para piorar, a jovem estava com a carteira de motorista suspensa, o que a fez ser levada pelo carro da polícia. “Nossa, meu pai vai me matar!”, lamentou na gravação, entre choro e risos, chegando a se despedir dos repórteres do local mandando beijinhos.

Barracos, traição e muita fofoca ao vivo no canal do TV FOCO no YOUTUBE. INSCREVA-SE

Sobre o autor

Lucas Brito

Lucas Brito é um jornalista recém-formado que ama conversar sobre tudo, mas em especial sobre música, culturas, teorias e boas histórias. Seu maior objetivo é conseguir se tornar um grande comunicador e ter espaço para tratar de assuntos sociais que considera importantes.