LAMENTÁVEL!

“Morte”: Tralli paralisa JH às pressas e confirma novo terror da Gol em meio à luta contra a falência


César Tralli anuncia morte trágica, ocorrida nas dependências da Gol, durante edição do Jornal Hoje, da Globo (Foto Reprodução/Montagem/TV Foco/Lennita/Logo.Net/Globo)

César Tralli paralisa edição do Jornal Hoje com notícia impactante de morte ocorrida nas dependências da GOL

E na edição do Jornal Hoje, que foi ao ar nesta última terça-feira (23), na Globo, o âncora César Tralli paralisou a todos com a notícia impactante sobre uma morte ocorrida nas dependências da GOL Linhas Aéreas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Para piorar ainda mais a situação, como muitos já devem saber, a companhia se encontra em meio a uma recuperação judicial a fim de escapar da temida falência.

Apenas para contextualizar, ainda em janeiro de 2024, a Gol optou em solicitar sua recuperação judicial pelo Capítulo 11, nos Estados Unidos, por ser um processo mais “brando” do que no Brasil* após uma série de adversidades.

(Para saber sobre a recuperação judicial da Gol, clique aqui*)

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


E agora ela tem que lidar com mais um terror após uma morte trágica ocorrer em suas dependências por conta de um equívoco cometido pela companhia.

Veja também

Morte confirmada

César Tralli passou então a dar mais detalhes da tragédia que deixou o Brasil inteiro impactado e que até mesmo gerou revolta nas redes:

“A polícia de São Paulo irá investigar a morte de um cachorro durante uma viagem. Ao invés de leva-lo para Mato Grosso, a companhia aérea embarcou o animal para fortaleza”

Segundo informações expostas na Globo, o animal tinha cinco anos de idade e acabou não resistindo após não resistir a viagem pelo erro do destino.

O pet deveria ter sido levado do Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, para Sinop (MT), mas foi colocado num avião que embarcou para Fortaleza (CE).

Ao ser constatado o erro, o animal acabou sendo mandado de volta para Guarulhos, porém quando o tutor chegou para encontrá-lo, o cão estava morto.

Segundo o tutor do golden retriever, o veterinário tinha dado um atestado indicando que o animal suportaria uma viagem de duas horas e meia, mas com o erro, o Joca ficou quase 8 horas no avião.

No dia do óbito, a família acusou a empresa por negligencia mas a companhia aérea afirma que acompanhou o animal em todo o trajeto e que o falecimento foi inesperado, já em São Paulo, depois que ele retornou.

Tragédia anunciada

Após desembarcar em Sinop, o tutor de Joca, João Fantazzini, aguardava que o cachorro fosse entregue para ele. Em declarações fornecidas ao G1, João declarou:

“Cheguei no aeroporto e uma moça, que disse que era gerente, veio na minha direção. Ela falou que o Joca não tinha passado bem.

O veterinário tinha atestado um voo de duas horas e meia para ele, mas fizeram quase oito horas de voo”.

Há vídeos que mostram o cachorro bebendo água em uma garrafa de plástico através das grades do canil quando estava no terminal aéreo de Fortaleza, segundo o divulgado pela família do tutor do animal.

Como mencionamos, o foi uma viagem de quase 8 horas sendo que:

  • Joca passou três horas e meia em um voo para Fortaleza
  • Cerca de uma hora e meia esperando pelo próximo voo na pista do aeroporto de Fortaleza
  • E mais três horas e meia no voo de volta para São Paulo

João Fantazzini contou que, ao desembarcar em Sinop, chegou a perguntar onde poderia buscar o pet, que deveria ter chegado em outro voo, no espaço da Gollog.

No entanto, foi avisado de que teria que voltar para SP, porque, por um erro, o animal tinha ido para Fortaleza.

Ao retornar ao Aeroporto Internacional de Guarulhos, entretanto, João afirma que encontrou o cachorro morto dentro do canil da empresa.

Segundo atestado de óbito, Joca morreu por uma parada cardiorrespiratória, mas os motivos ainda não foram esclarecidos.

Veja a declaração do tutor na íntegra abaixo:

“Eles colocam água em um negocinho que o cachorro tem que passar a língua para tirar água. Um cachorro daquele tamanho, com 47 quilos, não dá para acreditar nisso. Aí eles colocaram o cachorro de volta sem nenhuma avaliação, sem nenhum veterinário examinar o animal”

“Nem estabilizaram o cachorro, nem levaram para um lugar refrigerado, nem andaram um pouquinho com ele para ver como ele estava e mandaram de volta. Quando chegou aqui em Guarulhos, eles demoraram de 30 a 40 minutos, e meu filho perguntando ‘o que aconteceu?’, ‘cadê meu cachorro?’

Qual foi a declaração da GOL após o ocorrido?

Segundo o G1, por meio de uma nota oficial, a GOL afirmou ter se surpreendido com o falecimento de Joca porque ele recebeu cuidados da equipe na capital cearense.

Segundo a empresa, a morte aconteceu logo depois do pouso em Guarulhos.

A empresa ainda afirmou que o pet foi parar em Fortaleza por uma falha operacional, que fotos do animal foram enviadas para o tutor na parada e que o João escolheu voltar para Guarulhos para encontrar o animal.

A companhia também afirma estar oferecendo suporte ao tutor e estar apurando os detalhes do ocorrido com prioridade.

Veja a íntegra da nota da Gol:

“A GOL lamenta profundamente o ocorrido com o cão Joca e se solidariza com a dor do seu tutor.

A Companhia informa que o cão Joca deveria ter seguido para Sinop (OPS), no voo 1480 do dia 22/04, a partir de Guarulhos (GRU), porém, por uma falha operacional o animal foi embarcado em um voo para Fortaleza (FOR).

Assim que o tutor chegou em Sinop, foi notificado sobre o ocorrido e sua escolha foi voltar para Guarulhos (GRU) para reencontrar o Joca.

A equipe da GOLLOG na capital cearense desembarcou o Joca e se encarregou de cuidar dele até o embarque no voo 1527 de volta para Guarulhos (GRU).

Neste período, foram enviados para o tutor registros do Joca sendo acomodado de volta na aeronave.

Infelizmente, logo após o pouso do voo no aeroporto de Guarulhos (GRU), vindo de Fortaleza, fomos surpreendidos pelo falecimento do animal.

A Companhia está oferecendo todo o suporte necessário ao tutor e a apuração dos detalhes do ocorrido está sendo conduzida com prioridade total pelo nosso time.

Nos solidarizamos com o sofrimento do tutor do Joca. Entendemos a sua dor e lamentamos profundamente a perda do seu animal de estimação.”

🚨 Davi troca medicina por programa na TV + Piovani ESCULACHA Neymar + Mion reage a boatos de traiç@o         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.