Séries

Netflix tem dúvida sobre nova temporada da série feminista Coisa Mais Linda

Protagonistas de Coisa Mais Linda, série brasileira da Netflix. (Foto: Reprodução)
Protagonistas de Coisa Mais Linda, série brasileira da Netflix. (Foto: Reprodução)

Uma das novas séries originais da Netflix no Brasil, Coisa Mais Linda ainda não teve sua segunda temporada confirmada pelo serviço de streaming. Estrelada por Maria Casadevall, a atração investe no feminismo, mesmo com a trama se passando no final da década de 1950.

De acordo com a colunista Patrícia Kogut, a produção já tem todos os novos episódios escritos e deixou o elenco de sobreaviso, mas a Netflix ainda não definiu o que fará em relação a uma continuação. Isso por que Pathy Dejesus, que tem um dos papéis de destaque da trama, como coadjuvante, está na fase final da sua gravidez.

+ Ex de Roberto Carlos, Myrian Rios expõe verdades do cantor, Luciana Gimenez assume namoro com famoso ator e mais

+ Luciana Gimenez e Glória Maria dividem o mesmo homem e falam sobre relacionamento com famoso ator: “Ele é um amor”

Coisa Mais Linda também destaca a revolução cultural provocada pela Bossa Nova, no Rio de Janeiro, e gira em torno de Maria Luiza, a Malu (Casadevall), uma mulher conservadora que depende do pai, Ademar, e do marido, Pedro.

Quando Pedro desaparece, a protagonista decide sair de São Paulo e se mudar para o Rio, onde o marido planejava abrir um restaurante. Ao chegar na Cidade Maravilhosa, ela contraria o desejo do pai, e acaba transformando o estabelecimento do marido em uma casa noturna de Bossa Nova. Influenciada por amigas feministas e liberais, Malu dá início a uma transformação pessoal.

OUTRA INDEFINIÇÃO?

A Netflix apostava que o momento de ebulição política no Brasil, que estourou após a Operação Lava Jato, poderia servir de chamariz para O Mecanismo, série nacional que trata justamente da política no país, abordando esquemas de corrupção.

Porém, o tiro parece ter saído pela culatra. Em um momento de grande polarização, a trama conseguiu desagradar o público de lados opostos. Logo em sua primeira temporada, houve campanhas de boicote, movidas até por famosos como José de Abreu, que é militante do PT.

A empresa de streaming também acreditava que os escândalos na política brasileira despertariam o interesse do público estrangeiro. Porém, essa expectativa não se concretizou, e a série estrelada por Selton Mello vem sendo esnobada pelo assinantes fora do país.

De acordo com o colunista Fefito, diante dessa situação, já existe comentários entre o elenco de que a segunda temporada, que será disponibilizada na plataforma nesta sexta-feira (10), deverá marcar o fim de O Mecanismo. Surgiu até a ideia de produzir um filme para encerrar a história, mas isso também não ganhou muita força.

A Netflix ainda não se manifestou a respeito de uma sequência de O Mecanismo após a segunda leva de episódios e só fará isso quando obtiver os números da nova temporada.

TV Foco no Youtube

Podcast TV Foco

ANÚNCIOS

Conheça nosso Podcast

ANÚNCIOS

site statistics