TV Foco

TV Foco

Noite de autógrafos de Werner Schünemann contou com a presença de diversas celebridades

Um time de estrelas prestigiou o lançamento de “Alice deve estar viva” no Rio de Janeiro.

Na noite de ontem, o ator e agora escritor Werner Schünemann fez uma noite de autógrafos, do seu primeiro romance, Alice deve estar Viva, da editora Almedina, na livraria Argumento, no badalado e charmoso bairro do Leblon, na capital fluminense.

Entre os presentes estavam várias personalidades do mundo das artes, entre eles os atores Tarcísio Filho, Marcos Breda, Marco Pace, Thiago Lacerda, Júlia Lammertz , Júlia Guimarães e Deonísio da Silva, autor de 36 livros, o mais conhecido é “Avante, soldados: para trás (1992)”, agraciado com o Prêmio Internacional Casa de las Américas, em júri presidido pelo Prêmio Nobel José Saramago.

“Noite de autógrafos é um momento de muita expectativa, a primeira foi em São Paulo (14), ontem foi no Rio, onde reencontrei muitos amigos que não via há muito tempo, por causa da pandemia e hoje será a vez de Porto Alegre, uma noite que será recheada de emoções”, declara o autor.
Hoje, a partir das 18h, na livraria Leitura do Barra Sul Shopping, Werner faz mais uma noite de autógrafos do romance ambientado nos pampas gaúchos que trata da alma humana e suas contradições.

Veja também

 

Quem escreve

Aaron Tura

Aaron Tura é um jornalista paulista que ama o mundo da televisão e seus afins. Ligado nas novidades da telinha, fundou o TV FOCO em 2006 com o propósito de trocar opiniões e informações!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários