INSS: confira tudo sobre aposentadoria e benefícios

INSS: confira tudo sobre aposentadoria e benefícios

Novas regras auxílio-doença 2024: INSS promove mudança histórica e aposentados estão em alerta

Novas regras para o auxílio-doença do INSS 2024 (Foto: Reprodução, Montagem - Tv Foco)
Novas regras para o auxílio-doença do INSS 2024 (Foto: Reprodução, Montagem - Tv Foco)

Inovando, o INSS vai usar recurso revolucionário para concessão do auxílio-doença em 2024; Confira os detalhes

Mudando toda a forma que conhecemos na concessão de benéficos, o INSS planeja implantar uma forma revolucionária que promete mudar tudo.

O INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) passará a utilizar uma ferramentas contra fraudes nos pedidos de auxílio-doença enviados por meio do Atestmed. Entenda melhor:

inteligência artificial vai ajudar o INSS a combater fraudes nos atestados médicos. A nova ferramenta deve começar a funcionar ainda neste mês, segundo o Instituto.

O programa de inteligência artificial vai analisar os atestados enviados pelo Atestmed. É uma função do aplicativo Meu INSS, em que o usuário envia o documento por ali, em vez de fazer uma perícia presencial. O robô vai fazer o cruzamento de bancos de dados para detectar as irregularidades. Ele vai checar a identificação dos médicos, registro no Conselho de Medicina e grafia, a letra, dos médicos, por exemplo.

Auxílio-doença do INSS (Foto: reprodução - Canva, Montagem - TV Foco)
Auxílio-doença do INSS (Foto: reprodução – Canva, Montagem – TV Foco)

A ideia é que essa análise com uso de robôs reduza o tempo de espera para concessão de benefícios e torne o processo mais seguro, disse o presidente do INSS, Alessandro Stefanutto, à Rádio Nacional. De acordo com o presidente do instituto, a adoção dessa tecnologia é a segunda fase do Atestmed. Uma das medidas adotadas para tentar reduzir a fila de espera do INSS.

Veja também

Segundo dados do instituto, mais de um milhão de pessoas aguardam a análise dos casos para concessão de benefícios, como o auxílio-doença.

Quem tem direito ao auxílio-doença?

Segundo o site do Governo Federal, ele funciona como uma licença: você fica afastado do trabalho, fazendo seu tratamento e, mesmo assim, recebe uma remuneração. O benefício é dado aos pacientes com câncer que sejam segurados do INSS, mesmo aqueles que contribuem de forma autônoma. E saiba que, para ter direito a esse benefício, você não pode ter se filiado ao INSS depois da descoberta da doença. Funcionários públicos têm regras próprias – se for o seu caso, peça informações em sua repartição.

Há três formas: você deve preencher um requerimento e agendar a perícia médica pelo site: meu.inss.gov.br, através do aplicativo ou pelo telefone 135.

Auxílio-doença do INSS (Foto: reprodução - Olhar Digital)
Auxílio-doença do INSS (Foto: reprodução – Olhar Digital)

É nessa consulta que o médico do INSS vai comprovar a doença e liberar o benefício. E fique atento: se você não puder comparecer no dia agendado, deverá remarcar a perícia até três dias antes da data agendada – você só tem direito a remarcar uma única vez, pela Central 135 ou pelo Meu INSS, caso contrário ficará impossibilitado de requerer novamente o benefício pelos próximos 30 dias.

E se o paciente estiver internado? Se estiver internado no hospital ou acamado em casa, o prazo para remarcação é de sete dias antes ou até a data agendada, sendo necessário solicitar a perícia hospitalar ou domiciliar.

🚨 Isabelle agora é ESCORRAÇADA + Rodriguinho CRAVA Davi traído + Susana Vieira DETONA colegas 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA