Mais destaques

Novela na vida real! Confira os maiores escândalos de atrizes mexicanas

Escândalo mexicano (Foto: Reprodução (Foto: Reprodução)

Graças ao SBT, as novelas mexicanas sempre estiveram presente na vida dos brasileiros. Por conta disso, muitos atores e atrizes ficaram conhecidíssimos pelo povo que admira o trabalho desses profissionais.

Nem sempre a vida pessoal dessas estrelas foram um mar de rosas como mostram os dramalhões da Televisa. Pensando nisso, listaremos os maiores escândalos promovidos por alguns mexicanos, confira!

Gaby Spanic (Foto: Reprodução)

Gabriela Spanic foi envenenada!  Um fato polêmico que marcou a vida de Gabriela Spanic, conhecida no Brasil por interpretar as gêmeas Paulina e Paola. Como nas novelas, sua assistente Maria Celeste, movida por uma inveja, começou a colocar veneno na comida da patroa e de seu filho Gabriel (na época ele tinha apenas 2 anos).

Imediatamente, a noticia circulou em todos os sites da imprensa mexicana, impressionando a população. Ela ficou entre a vida e a morte e só  escapou por ter recebido rapidamente o socorro apropriado.

Quando a polícia foi investigar o caso, foram encontradas cápsulas de cloreto de amônio, substância perigosa, na bolsa da ex-funcionária, além de conversas suspeitas de e-mail.

Logo em seguida, em 2010, Maria Celeste foi condenada a 8 anos de cadeia para pagar pelo crime que cometeu, mas assim como nas novelas, esse caso teve uma grande reviravolta.

Thalia (Foto: Reprodução)

Thalia também esteve a beira da morte. A intérprete de “Maria do Bairro” e “Marimar” pairava o diabólico fantasma da doença de Lyme, infecção bacteriana geralmente causada pela picada de um carrapato. “É terrível, você não consegue controlar a dor, achei que fosse morrer”, declarou anos depois, já recuperada.

Foi por conta dessa doença que rumores indicavam que a estrela havia contraído HIV, pois ficou por cerca de dois anos afastada da vida pública. Mas no momento tudo foi esclarecido e os fofoqueiros ficaram com a cara no chão.

William Levy (Foto: Reprodução)

William Levy, no ar pelo SBT em “Sortilégio”, foi acusado de violentar uma menor de 17 anos. A menor, junto com sua mãe, entrou com um processo alegando ter sido abusada sexualmente pelo galã. Ela pedia a quantia de R$ 2,5 milhões por danos morais.

William, que chegou a conhecer a jovem, sempre negou toda a situação. No final tudo acabou em pizza, pois o processo foi arquivado após ambas as partes – menor e ator – chegaram a um acordo.

Fernando Colunga (Foto: Reprodução)

Fernando Colunga tem sexualidade questionada. Durante toda a vida de Fernando Colunga, seu único relacionamento revelado foi com Thalia, na época que protagonizaram “Maria do Bairro”. De lá para cá, o ator nunca mais se envolveu com nenhuma mulher.

O fato dele não frequentar festas, evitar flashes e viver recluso em sua mansão em Miami, nos Estados Unidos, contribuem para o falatório na imprensa mexicana, que não perdoa, sobre sua suposta homossexualidade do galã.

Certa vez, irritado, mandou essa para os “detratores”: “Não tenho mais paciência para desmentir toda hora isso!”. Sendo gay ou não, o gatíssimo de 48 anos continua a arrasar corações!

Anahi (Foto: Reprodução)

Anahi sofreu de anorexia aos 16 anos quando atuou em Primeiro Amor a Mil Por Hora.”Eu tinha muito peso sobre mim e as críticas me afetaram. Aí, a anorexia me atacou”, contou em um emocionante desabafo.

Por conta da doença, até chegou a enfrentar a morte cara a cara, seu coração parou por oito segundos. Mas a estrela deu a volta por cima e foi graças ao RBD: “Rebelde foi um renascimento, que me fez seguir adiante”.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Francisco Almeida

Redator do site TV Foco. Está com dúvidas ou quer enviar uma pauta? Me siga no Instagram: almeidafco ou email: almeidafcosantos@gmail.com