tenso

72 lojas e 7 mil demissões: A confirmação de falência de varejista dada por Renata Vasconcellos no JN

20/06/2024 às 10h40

Por: Bianca Rayla
Imagem PreCarregada
Renata Vasconcellos / Falência - Montagem: TVFOCO

Tudo sobre o anúncio de falência feito por Renata Vasconcellos no Jornal Nacional

No ano de 2023, em edição do Jornal Nacional, a âncora Renata Vasconcellos, informou que a empresa Americanas reconheceu a ocorrência de fraude durante a gestão anterior da companhia. Esse reconhecimento veio após cerca de 5 meses do anúncio inicial de inconsistências contábeis que atingiram uma estimativa de aproximadamente R$ 20 bilhões de reais.

Renata Vasconcellos relatou na ocasião que um relatório apresentado ao conselho de administração da empresa indicou que o ex-CEO Miguel Gutierrez, três ex-diretores e três ex-executivos foram acusados de falsificar demonstrativos financeiros. Todos esses indivíduos foram afastados de suas funções.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na época também, as Americanas emitiu um comunicado aos acionistas e ao público nesta terça-feira (13), reconhecendo a existência de fraudes na gestão anterior da empresa.

Em meio a um processo de recuperação judicial devido a uma dívida de R$ 42,5 bilhões, a Americanas (AMER3) tomou medidas drásticas nos últimos sete meses, incluindo a demissão de 9.175 funcionários e o fechamento de 72 lojas. Essas demissões representam 4% do total de suas unidades de venda.

Continua após o Veja Também

Veja também

A recuperação judicial foi iniciada em 19 de janeiro de 2023 e a Americanas tem presença tanto no comércio eletrônico quanto em lojas físicas. As informações são do portal Correio de Minas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Segundo informações fornecidas pela empresa à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), confirmadas pela Americanas, até 20 de agosto foram realizadas 1.450 demissões e três lojas foram fechadas na semana de 14 a 20 de agosto.

A Americanas agora possui um quadro de 33.948 colaboradores diretos e 1.806 estabelecimentos, em comparação com os 43.123 funcionários em 12 de janeiro, quando as “inconsistências contábeis” foram anunciadas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A companhia alegou que as demissões fazem parte do processo de reestruturação conforme seu plano de transformação e destaca que os números de demissões em agosto são semelhantes aos do mesmo período do ano anterior.

O Sindicato dos Comerciários do Rio, onde a empresa tem sua sede, registrou 590 homologações desde março, envolvendo funcionários com mais de um ano de vínculo. O sindicato assegura que todos os direitos trabalhistas foram respeitados.

Márcio Ayer, presidente do Sindicato dos Comerciários do Rio, demonstra preocupação com o grande número de demissões e atribui a responsabilidade à gestão anterior da empresa. Ele enfatiza a necessidade de interromper o ciclo em que os erros dos gestores recaem sobre os funcionários, resultando em perda de empregos.

Um relatório elaborado por assessores jurídicos em junho, que tem acompanhado a Americanas durante sua recuperação judicial, revelou que as demonstrações financeiras da empresa foram alvo de fraude por parte da diretoria anterior. Essa situação está sendo investigada pela CVM, Polícia Federal e uma CPI em Brasília.

De acordo com Marchioni, a estratégia atual da Americanas é oferecer produtos que satisfaçam as demandas de seus clientes, a preços mais competitivos em comparação com os concorrentes. Essa abordagem se destaca pelo modo como a empresa opera, tratando seus clientes como a figura principal.

Qual é a atual situação das Americanas?

De acordo com informações do portal UOL, de 2024, o último desempenho da Americanas mexeu com o mercado. Os balanços até setembro do ano passado evidenciaram uma redução de 23,5% em relação às perdas no mesmo período de 2022.

Crise causou prejuízo líquido de R$ 4,6 bilhões no acumulado até o terceiro trimestre. Além do prejuízo revisado de R$ 6,03 bilhões um ano antes. Por outro lado, houve uma recuperação na margem de lucro bruto, que subiu 11,1 pontos percentuais.

🚨 Tati Machado titular do Encontro + Estrelas intocáveis da Globo + Datena fora da Band: "Não tem dinheiro"    

à beira da falência
Bianca Rayla

Autor(a):

Eu sou Bianca Rayla, Administradora por formação, pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte- UFRN e Redatora Web por amor e vocação. Apaixonada por cobrir o mundo das celebridades desde 2018, já passei por diversos sites do mundo do entretenimento. Apaixonada por música sertaneja e uma boa fofoca, faço matérias diariamente sobre os mais diversos assuntos, com foco nos artistas da Globo , os quais tenho grande admiração.Meu e-mail é: [email protected] Minhas redes sociais são:

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.