Agora

Agora

Fim da linha: O anúncio oficial de encerramento de serviço da Netflix após 25 anos e choro de clientes

O fim de serviço da Netflix após 25 anos e a despedida oficial dos assinantes - Foto: Internet
O fim de serviço da Netflix após 25 anos e a despedida oficial - Foto: Internet

Netflix anunciou fim de serviço

A Netflix, sem sombra de dúvidas, é uma das maiores redes de streaming de todo o mundo. Contudo, a empresa passou por uma série de mudanças nos últimos meses e uma delas diz respeito ao encerramento de um dos serviços que durante 25 anos fizeram a alegria de muitas pessoas. A notícia surpreendeu muitos.

Para quem não sabe, a Netflix anunciou no mês de abril o encerramento da plataforma DVD.com, o serviço de aluguel de DVDs que deu início à empresa e revolucionou o modelo de negócios das locadoras tradicionais há cerca de 25 anos. A notícia foi confirmada pelo portal Omelete.

De acordo com a Netflix, os últimos discos comprados serão enviados aos usuários no dia 29 de setembro. Fundada em 1997, a plataforma de streaming começou como uma locadora de DVDs onde o usuário escolhia o filme e recebia o disco por correio em casa. Um comunicado foi feito.

Em um comunicado, o co-CEO Ted Sarandos disse que “o objetivo sempre foi fornecer o melhor serviço para nossos membros, mas como o negócio [de mídia física] continua diminuindo, isso se tornará cada vez mais difícil. Portanto, queremos sair em alta e enviaremos nossos discos finais em 29 de setembro de 2023”.

Netflix colocou ponto final em serviço importante (Foto: Reprodução Internet)
Netflix colocou ponto final em serviço importante (Foto: Reprodução Internet)

Qual rival da empresa fechou as portas?

Segundo informações da editoria de Economia do UOL, a Blockbuster vivia o ápice dos negócios na década de 1990. No entanto, pouco tempo depois, a marca enfrentou um declínio significativo e, em 2007, as Americanas decidiram comprá-la por um negócio de R$ 186,2 milhões aqui no Brasil, em uma ação focada mais nos pontos da locadora internacional do que investir de fato no ramo.

Veja também

Hoje, já não existe por aqui. Há apenas uma loja da marca que resiste ao tempo e aos serviços de streaming, localizada em Bend, Oregon, nos Estados Unidos.

Segundo a Forbes, entre 2003 e 2005, a empresa rival da Netflix perdeu 75% do valor de mercado. As Americanas compraram a marca em uma época em que havia 127 Blockbusters espalhadas pelo país. Na época, as lojas adquiridas estavam localizadas em áreas de alto fluxo, com acesso a classes mais altas da sociedade.

Apenas três anos depois da compra pelas Lojas Americanas, a Blockbuster declarou falência, enquanto tentava liquidar US$ 1 bilhão em dívidas.

No ano seguinte, a Dish Network, sediada nos Estados Unidos, comprou os ativos remanescentes da empresa por US$ 320 milhões em um leilão. A intenção era diminuir as filias, deixando apenas 600 lojas remanescentes.

🚨 Davi vai ser expulso no BBB24? + Ivete é INTERNADA + Jojo é traída e se VINGA

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Assuntos

Netflix

Quem escreve

Kelves Araújo

Eu sou Kelves Araújo, graduando em Engenharia de Produção Civil pelo IFCE. Apaixonado pelos bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos e escrever a respeito. Atuo na área desde o ano de 2019, e exerço meu trabalho com muito entusiasmo por gostar do que faço. Minhas redes sociais são: e-mail: [email protected]