CONFIRA

Demissão em massa, venda e fechamento de fábrica: O fim de gigante dos cafés no Brasil, rival do Pilão


O fechamento de fábrica gigante dos cafés no Brasil, rival do Pilão (Foto: Reprodução/ Internet)

Uma empresa gigante dos cafés, rival do Pilão, chega ao fim no país

No Brasil, existem diversas marcas de cafés e algumas são muito famosas, como a Pilão, por exemplo. Entretanto, hoje vamos falar sobre uma gigante do ramo, rival da fabricante mencionada, que encerrou suas atividade após ser vendida para uma gigantesca corporação norte-americana.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Segundo as informações do portal ‘Baguete’, a empresa ‘Café Damasco’, até então muito tradicional no sul do país, localizada em Curitiba, teve que encerrar suas operações e fechar às portas da fábrica no dia 3 de dezembro de 2010, após ser vendida para gigantesca empresa americana, Sara Lee Corp.

A empresa estava a mais de 50 anos no mercado. Ela foi fundada em 2 de janeiro de 1960 por famílias curitibanas e tinha a tradição em sua produção. Em 1980 e 1990, a empresa chegou a comprar outas marcas de cafés. Como, por exemplo, a Copacabana, Bom Taí, Maracanã, Negresco, Pacheco. Entre 2003 e 2004, o Café América e o Café Palheta foram incorporados.

Produtos da Café Damasco (Foto: Divulgação)
Produtos da Café Damasco (Foto: Divulgação)

Apesar de ter sido uma gigante, a rival da Pilão conheceu seu fim em 2010. Assim, numa negociação de US$ 100 milhões (R$ 524 milhões na cotação atual), a marca Café Damasco acabou sendo vendida para a Sara Lee. Dessa forma, tudo o que pertencia à marca foi para a gigante americana.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


Gigante do café, rival da Pilão, fecha fábrica e tem fim no Brasil (Foto: Reprodução/ Internet)
Gigante dos cafés, rival da Pilão, fecha fábrica e tem fim no Brasil (Foto: Reprodução/ Internet)

Nota da Sara Lee Corp

Na época, a Sara Lee chegou a se pronunciar, em uma nota enviada ao portal ‘Gazeta do Povo’, onde dizia que: “como parte da incorporação dos negócios da Café Damasco, concluiu os estudos de reestruturação do quadro de funcionários. A empresa oferecerá aos funcionários desligados o suporte necessário para auxiliá-los em sua recolocação no mercado de trabalho, sendo observadas todas as regulamentações e procedimentos locais exigidos”.

Veja também

Fábrica da Café Damasco que foi vendida (Foto: Divulgação)
Fábrica da Café Damasco que foi vendida (Foto: Divulgação)

Demissão em massa

Segundo o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Bebidas, Café e Alimentação de Curitiba e Região Metropolitana (Sindibebidas), cerca de 150 funcionários da fábrica receberam aviso de demissão uma semana antes do fechamento. Onde, na semana seguinte, a empresa começou a assinar as rescisões contratuais da demissão em massa.

Quem é dono da Pilão?

Muito famosa no Brasil, a Pilão pertence à holandesa Jacobs Douwe Egberts (JDE), ela controla outras marcas como Caboclo e Café Pelé. Uma vez que o brasileiro é muito apaixonado por café, a marca acaba sendo uma das mais preferidas. Essas informações podem ser achadas no site da empresa.

🚨 Davi assume uso de dinheiro doado ao RS + Globo crava desfecho do campeão + Dona Déa é DETONADA         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Eu sou Kelly Araújo, formada em Biologia pelo IFCE e atualmente estudo Engenharia de Produção Civil na mesma instituição. Escrevo sobre televisão e o universo dos famosos desde o ano de 2014. Sou apaixonada por falar sobre os bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos nas redes sociais e amo assistir um reality show de confinamento. Minhas redes são: Email: kelly.araujo@otvfoco.com.br