Colunas Foco na TV

Os Dez Mandamentos, Prova de Amor ou outra? Saiba qual é a melhor novela da história da Record

Prova de Amor, Os Dez Mandamentos e A Escrava Isaura estão entre as melhores novelas da história da Record. (Foto: Montagem/Divulgação)
Prova de Amor, Os Dez Mandamentos e A Escrava Isaura estão entre as melhores novelas da história da Record. (Foto: Montagem/Divulgação)

Em abril, elaboramos um ranking com as cinco melhores novelas da história da televisão brasileira, e a Globo, que é a grande referência em teledramaturgia no país, dominou completamente a lista, desbancando novelas de outras grandes emissoras, já extintas, como a TV Tupi e Manchete, ou atuais como a Record e o SBT.

Por isso, resolvemos fazer um ranking agora dedicado às produções da Record, que não teve a chance de aparecer com seus folhetins na última lista, mas que permanece como a segunda emissora que mais investe em teledramaturgia no país.

Mesmo enfrentando diversos períodos de crise e reformulações, a Record deu início à produção de novelas bem antes da Globo, ainda em meados dos anos 1950, enquanto que a emissora carioca só começaria a produzir folhetins no final da década de 1960. Apesar disso, a atual emissora dos bispos possui poucas novelas antes dos anos 2000 que permanecem na memória do público, justamente por ter permitido que a sua concorrente se consolidasse culturalmente como a emissora das novelas.

+ Bizarro: o dia em que Faustão virou repórter do Jornal Nacional e fez piadas absurdas com tragédia

E esse marco no aumento de relevância de folhetins da Record a partir do início dos anos 2000 não foi por acaso. Em 2004, a emissora fez um planejamento ousado, aumentando substancialmente o investimento em sua teledramaturgia, com direito, inclusive, a construção do RecNov, um complexo de estúdios destinado à produções dramatúrgicas, seguindo o mesmo modelo da Globo, com o antigo Projac, e lançando o slogan “A caminho da liderança”, tentando desbancar a sua maior concorrente. É por isso que, fatalmente, aparecerá nessa lista, apenas novelas da emissora que foram lançadas nos últimos 15 anos.

O critério de classificação será o mesmo utilizado no último ranking. Portanto, não vamos levar em conta a subjetividade, e sim nos basear em critérios objetivos, como relevância da trama, valor de produção, audiência, repercussão internacional, avaliação da crítica especializada e notas de sites relevantes, como o Imdb (maior banco de dados e de avaliação audiovisual do mundo).

Bianca Rinaldi protagonizou Escrava Isaura na Record. (Foto: Divulgação)
Bianca Rinaldi protagonizou A Escrava Isaura na Record. (Foto: Divulgação)

5º — A Escrava Isaura (2004/2005)

A Escrava Isaura foi a primeira novela que marcou essa revolução do início dos anos 2000 na teledramaturgia da Record, que decidiu ousar ao investir em uma produção de época, que fazia uma releitura da obra clássica de 1875, e que já havia ganhado uma famosa versão na Globo, em 1976.

Apesar de não ter alcançado o mesmo sucesso da versão original, A Escrava Isaura se tornou um grande símbolo da Record. A trama, escrita por Tiago Santiago e estrelada por Bianca Rinaldi, arrancou elogios da crítica especializada, e conseguiu dobrar a meta de audiência estipulada pela Record, mesmo indo ao ar na faixa das 19h, horário que não chega a ser dos mais favoráveis para produções dramatúrgicas da emissora atualmente.

+ Em 1983, Os Trapalhões fizeram premonição impressionante na Globo e detalhes assustam

O último capítulo de Escrava Isaura registrou picos de 23 pontos, e chegou ao fim com a excelente média de 15 na Grande São Paulo, enquanto que a meta estipulada pela emissora era de apenas 7 pontos. Merece o quinto lugar na lista.

Vidas Opostas foi um fenômeno na Record. (Foto: Divulgação)
Vidas Opostas foi um fenômeno na Record. (Foto: Divulgação)

4º — Vidas Opostas (2006/2007)

Marcílio Moraes deixou a Globo em 2002, prometendo às concorrentes que sabia a “fórmula” para superar a emissora carioca, e em 2006, já contratado pela Record, cumpriu em partes essa promessa.

Com Vidas Opostas, o autor investiu em uma trama intensa, que mostrava a realidade dos moradores nas comunidades cariocas. Apesar de apresentar cenas bastante violentas, que fizeram com que a novela fosse até reclassificada e exibida na faixa das 22h, Vidas Opostas se consolidou como um dos melhores e mais bem produzidos folhetins da história da Record.

+ Em 2004, homem armado invade programa ao vivo da Band e gera pânico

Estrelada por Léo Rosa e Maytê Piragibe, e com destaque para Marcelo Serrado, que mais tarde seria contratado pela Globo — muito por causa desse trabalho — , Vidas Opostas surpreendeu na audiência, com picos de 27 pontos em seu último capítulo, que chegou a derrotar a Globo por cerca de 44 minutos.

Com um texto e produção que conseguiram conquistar tanto a crítica como o público, e que lhe proporcionaram, inclusive, a vitória no Troféu Imprensa — empatada com Paraíso Tropical, da Globo — Vidas Opostas garantiu a sua vaga no hall de novelas históricas da Record.

Lavínia Vlasak estrelou Prova de Amor na Record. (Foto: Divulgação)
Lavínia Vlasak estrelou Prova de Amor na Record. (Foto: Divulgação)

3º — Prova de Amor (2005/2006)

Prova de Amor é considerada por muitos a melhor novela da história da Record. Mesmo exibida na faixa das 19h e com uma extensa duração (229 capítulos), a trama registrou audiência de horário nobre, e sua repercussão chegou a ser comparada a de Pantanal (1990), novela clássica da extinta TV Manchete, e uma das poucas que conseguiram superar uma trama das 21h da Globo em toda a história.

Estrelada por Marcelo Serrado e Lavínia Vlasak — recém-saída da Globo — , Prova de Amor foi, de fato, a primeira novela da Record produzida no RecNov. Os planos ambiciosos da emissora chegaram a empolgar o autor Tiago Santiago, que desejava ir além do sucesso com A Escrava Isaura, e, pelo menos em termos de audiência, ele conseguiu.

+ Traição e programa com travestis: jogadores famosos, que assim como Neymar, se envolveram em escândalos sexuais

Mesmo com uma longa duração, Prova de Amor entrou para a história, e é, até hoje, a novela de maior audiência da emissora em sua média geral (17 pontos). Tirando proveito do fracasso de Bang Bang na Globo, a novela conseguiu fidelizar o seu público, e alcançou picos de 29 pontos em seu último capítulo.

O que pesa contra Prova de Amor é o seu roteiro. Tiago Santiago não manteve o mesmo nível de qualidade de A Escrava Isaura nesse sentido, e o esticamento da trama também contribuiu para que ela apresentasse uma enorme “barriga” e deixasse de ser unânime entre a crítica especializada.

Lucinha Lins foi o grande destaque de Chamas da Vida. (Foto: Divulgação)
Lucinha Lins foi o grande destaque de Chamas da Vida. (Foto: Divulgação)

2º — Chamas da Vida (2008/2009)

Chamas da Vida é, talvez, a grande referência de qualidade dramatúrgica entre todas as novelas já produzidas pela Record até agora. Mesmo tendo uma duração ainda maior que Prova de Amor (253 capítulos), a novela, exibida no horário nobre, conseguiu lidar bem com isso nas mãos da autora Christianne Fridman.

Estrelada por Leonardo Brício e Juliana Silveira, e com destaque para Lucinha Lins, Chamas da Vida tratou de temas polêmicos como AIDS e pedofilia com grande destreza, conseguindo construir uma trama surpreendente, cheia de reviravoltas, e apostou no mistério do famoso incendiário (ou seria incendiários?), algo que foi muito bem trabalhado pela produção.

+ Choque e revolta: a história do naufrágio que matou famosa atriz da Globo em pleno Réveillon

O último capítulo de Chamas da Vida teve picos de 22 pontos, chegando a ficar na liderança por alguns minutos. Mesmo com audiência inferior a de produções anteriores da Record, a novela recebeu várias indicações em premiações, e sua relevância dramatúrgica pesou na balança.

Guilherme Winter na famosa cena de abertura do Mar Vermelho em Os Dez Mandamentos. (Foto: Reprodução)
Guilherme Winter na famosa cena de abertura do Mar Vermelho em Os Dez Mandamentos. (Foto: Reprodução)

1º — Os Dez Mandamentos (2015/2016)

Os Dez Mandamentos marcou uma nova era na teledramaturgia da Record. Depois de notar um certo esgotamento em suas tramas contemporâneas, a emissora dos bispos resolveu investir em produções bíblicas.

A primeira posição para Os Dez Mandamentos pode parecer óbvia, mas a novela escrita por Vivian de Oliveira possui tamanha relevância, não só para a história da teledramaturgia da Record, como para as produções em geral da televisão brasileira, que é praticamente impossível deixá-la de fora do topo desse ranking.

Começaremos pela produção: poucas vezes na história se viu tamanho investimento em uma única novela na televisão brasileira. A trama da Record apostou alto em efeitos especiais, que chegaram a contar com auxílio de profissionais de Hollywood em seu acabamento. A aguardada cena de Abertura do Mar Vermelho, por exemplo, foi um evento à parte.

+ Digno de novela: o caso de envenenamento de Gaby Spanic, estrela de A Usurpadora, que chocou a todos

A novela estrelada por Guilherme Winter — que chegou a vencer o Troféu Imprensa de melhor ator — conseguiu manter o público engajado, teve enorme repercussão, e impôs uma derrota humilhante à Globo no horário nobre justamente durante o capítulo com a sequência de Abertura do Mar Vermelho, quando registrou a incrível média de 28 pontos com picos de 31 — a maior audiência de um capítulo de novela da Record até hoje.

Como se não bastasse o enorme sucesso no Brasil, Os Dez Mandamentos transcendeu horizontes, tornando-se a novela mais exportada da história da Record, e que ainda por cima, virou fenômeno em diversos países, principalmente os da América Latina, que pararam para ver os capítulos especiais, com os protagonistas ainda sendo recebidos como grandes estrelas de Hollywood em eventos e programas de TV locais.

+ Em 2001, Globo trava guerra com o SBT e tira a Casa dos Artistas do ar: “Barbaridade”

Nesse período, a partir dos anos 2000, a Record também produziu outras novelas que entraram para a história. Por isso, fazemos menção honrosa às seguintes produções: Essas Mulheres (2005), Caminhos do Coração (2007/2008), Poder Paralelo (2009/2010) e Pecado Mortal (2013/2014).

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.

ANÚNCIOS

ANÚNCIOS

Comentários recentes

CONHEÇA

ASSISTA!

;