Antônia Fontenelle Celebridades Gospel

Antonia Fontenelle descobre como pastor provou não ter estuprado filho de 5 anos de cantora gospel: “Golpe”

Antonia Fontenelle e Felipe Garcia Heiderich (Foto: Reprodução/YouTube)
Antonia Fontenelle e Felipe Garcia Heiderich (Foto: Reprodução/YouTube)

Felipe Heiderich deu uma entrevista bombástica ao canal de Antonia Fontenelle sobre como conseguiu provar sua inocência em uma acusação de pedofilia

Antonia Fontenelle fez uma das entrevistas mais bombásticas da história de seu canal no YouTube. Divulgado na última segunda-feira (17), o vídeo mostra todo o suposto golpe sofrido pelo pastor Felipe Garcia Heiderich, que foi inocentado da acusação de estupro contra o próprio enteado, filho da cantora gospel Bianca Toledo, no ano de 2016.

No bate-papo, a youtuber tocou em assuntos delicados de todo o processo, desde as acusações, entre a internação em uma clínica psiquiátrica e a prisão. O pastor detalhou os momentos de horror que viveu e do complô que sofreu entre sua ex-esposa e os funcionários que cuidavam de sua casa. Na época, a artista gospel declarou que seu herdeiro havia relatado estupros por parte do então padrasto.

+ Rebeca Abravanel coloca ponto final em boataria sobre casamento e toma atitude no SBT: “Até que se segura”

+ Mãe dos filhos de Gugu se pronuncia após tentativa de suicídio ser exposta: “Desrespeito”

Antonia Fontenelle questionou Felipe Heiderich sobre os dias que passou em uma prisão em Bangu, no Rio de Janeiro, e o relato chocou logo no momento em que ele conta ter tido as mãos e os pés amarrados por ser ‘perigoso demais’ e por ter recebido um conselho de um policial no momento em o camburão foi fechado. “Faz uma oração, porque você não vai durar 24 horas”, disparou o agente.

OS DIAS NA CELA

O pastor contou que os agentes penitenciários o jogaram dentro da sala com diversos outros prisioneiros e disseram: “Ele é um pedófilo, estuprou o enteado de cinco anos. O primeiro que estuprá-lo, a gente não bate”. Ele revelou à youtuber que naquele momento acreditou que fosse o seu fim, mas nada aconteceu e até roupas e um par de sandálias ele ganhou dos detentos.

O VEREDITO DA JUSTIÇA

Apesar do apelo às autoridades e relatos nas redes sociais, Bianco Toledo não se saiu vitoriosa no caso. Felipe Heiderich foi absolvido pelo Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) após um pedido feito pelo Ministério Público do estado. Ele disse a Antonia Fontenelle que a vontade da cantora gospel era ter 100% de seus bens.

Bianca Toledo e Felipe Heiderich (Foto: Reprodução/Instagram)
Bianca Toledo e Felipe Heiderich (Foto: Reprodução/Instagram)

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Paulo Vito