TV Foco

Preocupada com participantes “planta”, Globo se atrapalha e corre contra o tempo com BBB18

Tiago Leifert vai comandar novamente o BBB18 (Foto: Divulgação)
Tiago Leifert vai comandar novamente o BBB (Foto: Divulgação)

O fim de 2017 está se aproximando e a Globo trabalhando na escala máxima para conseguir colocar no ar sua principal atração, além das novelas: o BBB18. Segundo informa o jornalista Leo Dias, o maior impasse neste momento está nos participantes que vão entrar na casa mais vigiada do Brasil.

A maior preocupação por parte da direção do BBB18 é que os novos escolhidos para integrar o programa não façam a famosa linha ‘planta’. Trata-se do típico participante que fica muito quieto, não briga, não namora e não se diverte, deixando os telespectadores desanimados.

+ Em O Outro Lado do Paraíso, Samuel é flagrado por Suzy na cama com Cido: “Tigrão? Tigresa?”

Por conta disso, algumas etapas do processo de seleção dos participantes do BBB18 estão sendo reanalisadas. Isso porque, em edições passadas, os candidatos que na fase da ‘cadeira elétrica’ mostraram um ótimo potencial acabaram virando ‘plantas’ dentro da casa. A produção da Globo também não definiu quantos participantes serão confinados nesta temporada, mas já é certo que ex-participantes não farão parte do reality.

GLOBO ESTICA BBB18 ANTES MESMO DA ESTREIA

A Globo alterou a data da final do BBB18 e o programa foi esticado antes mesmo da estreia, que acontece na segunda metade de janeiro.

O reality comandado por Tiago Leifert tem o dia 22 de janeiro, uma segunda-feira, marcado para estrear. Já a final, anteriormente prevista para 12 de abril, uma quinta-feira, foi alterada. No BBB18, os brothers ficarão uma semana a mais no confinamento: a final do programa será em 19 de abril, uma quinta.

Na 17ª edição, o BBB estreou na segunda-feira, 23 de janeiro, mas apresentando somente os participantes que fariam uma disputa para entrar no reality: os gêmeos Antônio e Manoel, e Emilly e Mayla. O programa de fato teve início na terça, com a entrada de todos os participantes. Agora, resta saber se a edição de 2018 também será assim.

Apesar do desgaste natural após 17 edições, o Big Brother Brasil ainda fatura alto para a Globo. Na temporada 2017, antes mesmo da estreia, o programa já tinha arrecadado R$ 140 milhões com patrocínio, uma queda de mais de R$ 50 milhões do alcançado em 2016, quando conseguiu R$ 191.4 milhões (a explicação é que, das seis cotas comercializadas, somente quatro foram compradas). Mesmo assim, continua sendo a “galinha dos ovos de ouro” da Globo.

 

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Aaron Tura

Aaron Tura é um jornalista, paulista que ama o mundo da televisão e seus afins. Ligado nas novidades da telinha, fundou o TV FOCO em 2006 com o propósito de trocar opiniões e informações!