TERROR DE FALÊNCIA

Dívida de R$ 5 bilhões ao Bradesco e 132 fechamentos: Bonner confirma terror de falência de varejista amada

02/06/2024 às 22h50

Por: Kelves Araújo
Imagem PreCarregada
Bonner confirma terror de falência de varejista amada - Foto: Montagem

O âncora comunicou a situação dramática da empresa na bancada do Jornal Nacional

William Bonner, sem dúvida alguma, é um dos maiores nomes do jornalismo brasileiro. Responsável pelo comando do Jornal Nacional, o apresentador está sempre atualizando os telespectadores da Globo a respeito dos principais acontecimentos do Brasil e do mundo.

E por falar no jornalista, ele confirmou ao Brasil um terror de falência de gigante varejista e que você provavelmente ama. Com direito a nada mais, nada menos que R$ 5 bilhões em dívidas no Bradesco e 120 fechamentos, o contratado da Vênus Platinada surpreendeu os telespectadores com a notícia.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A grande realidade é que, no Jornal Nacional, foi noticiado que os credores aprovaram o plano de recuperação judicial das Americanas, holding brasileira que atua no segmento de varejo, principalmente. Durante uma edição do dia (20) de dezembro de 2023, foi informado que a empresa estava devendo R$ 50 bilhões a bancos, fornecedores e prestadores de serviço.

Americanas vem passando pelo momento mais delicado de sua trajetória (Reprodução: Americanas/Divulgação)
Americanas vem passando pelo momento mais delicado de sua trajetória (Reprodução: Americanas/Divulgação)

Diante disso, acionistas de referência ficaram de injetar R$ 12 bilhões na empresa. Dessa forma, na bancada do JN, William Bonner trouxe à tona a situação. “Os credores aprovaram o plano de recuperação das lojas americanas.“, relatou o âncora.

Continua após o Veja Também

Veja também

“São bancos, fornecedores, cobrem serviços que representam 97% da dívida das americanas, estimada em R$ 50 bilhões e que será renegociada. Os acionistas de referência vão injetar cerca de R$ 12 bilhões no aumento de capital da empresa”, disse ainda o âncora do Jornal Nacional.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

William Bonner
William Bonner na bancada do Jornal Nacional (Foto: Reprodução / TV Globo)

De acordo com a Folha de São Paulo, dentre as empresas a quem a Americanas possuia um maior número em dívidas estava o Bradesco, com mais de R$ 5 bilhões. As finanças foram dos principais obstáculos para que credores e a própria varejista entrar em acordo com os termos da recuperação judicial.

Nos dias de hoje, diante a recuperação judicial e com o projeto sendo anunciado até mesmo por William Bonner no Jornal Nacional, a rede colossal possui grandes chances de protagonizar uma grande virada e dar a volta por cima.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Lojas Americanas (Reprodução/Foto: Lojas Americanas/Divulgação)
Unidade da Americanas (Reprodução/Foto: Lojas Americanas/Divulgação)

Quantas lojas a Americanas fechou?

Diante o processo de recuperação judicial pela dívida avassaladora de R$ 42,5 bilhões, a Americanas (AMER3) tomou medidas drásticas entre janeiro de 2023 e fevereiro de 2024, como a demissão de 10.435 funcionários, quase um quarto da equipe e fechou 132 lojas.

🚨 Xuxa expõe podre do marido de Sasha + Graciele Lacerda recebe at4ques após gravidez + Faro é DETONADO    

Americanas
Âncora William Bonner
Destaque
Lojas Americanas
Kelves Araújo

Autor(a):

Eu sou Kelves Araújo, graduando em Engenharia de Produção Civil pelo IFCE. Apaixonado pelos bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos e escrever a respeito. Atuo na área desde o ano de 2019, e exerço meu trabalho com muito entusiasmo por gostar do que faço. Minhas redes sociais são: e-mail: [email protected]

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.