Record

Record

Record fatura 50 milhões com novo programa que promete ser sucesso na programação do canal

Âncora da Record enfrenta sequela rara de grave doença (Foto: reprodução)
Âncora da Record enfrenta sequela rara de grave doença (Foto: reprodução)

Ilha Record estreou na noite de ontem sob o comando de Sabrina Sato

O Ilha Record, antes mesmo de estrear na emissora de Edir Macedo, bombou e já faturou 50 milhões de reais em patrocínio. O reality é inédito e foi desenvolvido pela própria emissora, estreou ontem, no final da noite, mas antes disso já havia fechado o patrocínio com a Havan e Embelleze, no valor de 24.867.480 reais cada.

O reality chamou atenção das marcas depois que veio a público os barracos protagonizados pelos participantes. A primeira empresa a fechar o patrocínio para a atração que tem o comando de Sabrina Sato foi a Havan. O acordo foi fechado poucos dias após o fim das gravações do reality, que já foi inteiramente gravado, apenas a sua final que será ao vivo.

Para o valor pago pelas marcas estão previstos, de acordo com o Notícias da TV, 112 aparições nos intervalos comerciais da Record, mais 16 ações de merchandising, 350 entradas nos breaks da Record News e dez ações de merchandising nos programas de entretenimento do canal de notícias e ações multiplataforma no R7 e nos perfis das redes sociais do reality.

MAIS SOBRE OS VALORES

O preço bruto da cota seria de 28.611.565 reais, porém, a Record já prevê um desconto chamativo de 85% no valor discriminado para as ações multiplataforma. A empresa que quiser investir somente no meio digital, teria que pagar 5.342.885 reais, mas, ao comprar a cota master, as entradas das ações no site e redes sociais caíram para 1.012.560 reais, a diferença gritante fez o valor ser reduzido em 13%.

Sabrina Sato na Ilha Record (Reprodução)
Sabrina Sato apresenta o “Ilha Record” (Foto: Divulgação/Record)

Veja também

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Assuntos

Record

Quem escreve

Bruno Silva

Bruno Silva é paraibano e atua na área como redator desde 2013, sempre trazendo notícias aos leitores com muita responsabilidade.

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários