Power Couple

Power Couple

Record impõe lista de proibições a casais do Power Couple que podem gerar multa e até mesmo expulsão do reality

Casais do Power Couple 5 (Foto: Reprodução)
Casais do Power Couple 5 (Foto: Reprodução)
Casais do Power Couple 5 (Foto: Reprodução)
Casais do Power Couple 5 (Foto: Reprodução)

Reality tem apresentação de Adriane Galisteu na tela da Record TV

Como noticiamos anteriormente, a Record este ano, pagou 80 mil reais de cachê aos participantes do Power Couple, reality que tem apresentação de Adriane Galisteu. Mas, para assegurar essa bolada, os casais aceitaram uma extensa lista de regras impostas pela direção do canal, as mesmas devem ser cumpridas durante três meses, sob risco de perderem todo o cachê de participação e ainda terem que pagar multas.

De acordo com o Notícias da TV, a quantidade de exigências feitas pela Record, são enormes. Algumas, inclusive, chamam atenção pelo nível de preciosismo e pela falta de elementos concretos que permitam uma clara interpretação dos termos.

Um deles, é a proibição de “gesticulações obscenas, com ou sem a utilização de utensílios” que são disponíveis no confinamento, e prevê uma punição severa ou expulsão do programa. A Record, porém, não deixa especificado os tipos de gestos que se encaixariam dentro do requisito.

Veja também

Sendo assim, os casais não sabem se o apontamento de um dedo do meio, algo bem recorrente em realitys do canal e que a população em sua maioria interpreta como um gesto obsceno, pode resultar em uma penalidade. O casal infrator vai ter que pagar 80 mil reais de multa à Record.

Além disso, os casais que se recusarem a participar de alguma dinâmica, sejam provas ou eventos de convivência, vão ser expulsos e terão que pagar multa. Caso desista, o casal vai ter que devolver os 80 mil do cachê. Além de todos os prêmios que possam ter recebido durante o período em que estiveram no jogo.

As regras preveem punições que não se restringem somente ao período em que estiverem no jogo, mas também após a saída do confinamento, caso o casal se recuse a participar de algum programa de entretenimento da Record, ou negue entrevistas a telejornais da casa durante o período de vigência do contrato. Assim vai ter que pagar uma multa proporcional a todos os valores recebidos.

Senso assim, caso alguém desista de participar da sabatinada pós-eliminação feita no Hora do Faro, também vai deixar para trás os 80 mil reais, mais os merchandising recebido do reality, além de prêmios como carros, eletrodomésticos, entre outros, que vão ser dados em provas pelos patrocinadores do Power Couple.

Falar sobre política, na atração, nem pensar, assim como discussões de cunho religioso.

SÃO EXCLUSIVOS DA RECORD

Enquanto o contrato ainda tiver em vigência, fica proibidos os participantes do Power Couple de dar entrevistas a veículos de imprensa que não façam parte da Record, mesmo sendo a sites, canais no YouTube, podcasts e sites ou programas de TV.  No ano de 2018, Vida Vlat quase teve que pagar uma multa de 100 mil, após ter concedido entrevista ao programa de Sonia Abrão, o A Tarde é Sua, da RedeTV, após sua eliminação de A Fazenda.

Porém, a emissora, ciente da falta de recursos da atriz, acabou perdoando a mesma e desistiu de cobrar a infração. Por isso, agora, os assessores de imprensa pessoais de cada participante estão proibidos de negociarem entrevistas e participações em programas de emissoras concorrentes durante o período de vigência do contrato, apenas a Record é quem pode autorizar.

Outro fato importante é que a não participação no evento da grande final da temporada também vai fazer o casal devolver à Record todos os valores e prêmios acumulados ao longo da temporada.

Adriane Galisteu comanda o Power Couple - Foto: Reprodução
Adriane Galisteu comanda o Power Couple – Foto: Reprodução

Veja agora: Apresentador galã de TV dá basta e resolve se assumir gay de vez: veja fotos   

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários