Agora

Agora

Encerramento e demissão em massa: Fábrica de cerveja gigantesca, rival da Heineken, fecha as portas após anos

Cervejaria gigante, rival da Heineken, fechou as portas e demitiu funcionários (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)
Cervejaria gigante, rival da Heineken, fechou as portas e demitiu funcionários (Foto Reprodução/Montagem/Tv Foco)

Fábrica de cerveja gigante, rival da Heineken, fecha as suas portas e promove demissão em massa dos seus funcionários

E uma cervejaria gigante, rival da Heineken, considerada uma das principais do ramo de artesanais do estado de Santa Catarina, em meados de abril de 2023, anunciou o fechamento da sua fábrica afim de terceirizar as suas produções.

Estamos falando da Cervejaria Santa Catarina (CSC), que está no mercado desde  2007, na cidade de Forquilhinha/SC,
considerada uma das cidades mais alemãs do sul de Santa Catarina.

Os primeiros rótulos de cerveja da marca original da CSC foram lançados três anos depois.

Anos mais tarde foram incorporadas as cervejas das linhas Coruja, a Barco e Catarina, buscando compor um portfólio com marcas que apresentavam diferentes posicionamentos conforme o mercado de cerveja artesanal no país se tornou mais dinâmico e diverso.

A decisão

De acordo com o portal Catalisi, essa medida se deu devido a perda de mercado com consequente ociosidade parcial de unidade produtiva e crescimento da pressão de custos, conforme apontadas pela direção da fábrica.

Veja também

Vale dizer que a CSC conta com cerca de 40 rótulos de suas marcas Saint Bier, Coruja e Barco e a fábrica, pela qual está encerrando as atividades. possui capacidade para produção de cerca de 500 mil litros mensais.

Essa estrutura fez com que a mesma atingisse o patamar entre as maiores cervejarias artesanais independentes em capacidade de produção do país.

Demissão em massa

O mais triste dessa decisão foi que os  88 funcionários acararam sendo desligados, em 60 dias após a notícia divulgada. Porém, ainda de acordo com o portal, a empresa auxiliou  na recolocação dos profissionais dispensados.

Vale destacar que a CSC já vinha tendo a sua produção terceirizada junto a cervejarias Opa Bier e Lassberg em Santa Catarina e com a Stier no Rio Grande do Sul.

Apesar do encerramento da produção em Forquilhinha, o pub que funciona anexo à fábrica permanece aberto ao público.

Mas qual foi o real desfecho?

Após o ocorrido, a cervejaria decidiu entrar no segmento de licenciamento de marcas e projeta a continuidade dos rótulos de Saint Bier, Coruja, Barco e Catarina por meio da cessão dos direitos de uso.

De acordo com declarações dadas pelo diretor executivo da cervejaria, Bruno Braviano, tais marcas irão continuar bem vivas, porém em outra dinâmica de negócios com a produção e a comercialização administradas por um concessionário.

 

 

🚨 Urgente! Ana Hickmann comete 'crime', Betty Faria humilha Bolsa Família e Bocardi detona

Quem escreve

Lennita Lee

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.