Notícias

CelebridadesCinemaNotícias

Saiba o que achamos do final de “Meus 15 Anos”, filme estrelado por Larissa Manoela

Larissa Manoela estrela o filme “Meus 15 Anos” (Foto: Divulgação)
Larissa Manoela estrela o filme “Meus 15 Anos” (Foto: Divulgação)

O filme “Meus 15 Anos” é baseado no livro homônimo da escritora Luiza Trigo, dirigido por Caroline Fioratti com a produção de Paris Filmes, SBT e Televisa. Esse longa protagonizado por Larissa Manoela tem no elenco os atores: Rafael Infante, Daniel Botelho, Bruno Peixoto, Victor Meyniel, Heslaine Vieira e entre outros. Incrível, não é? Então, nós do TV Foco vimos o filme antes de estrear no cinema e adoramos! E agora o que vamos contar é para quem já viu o filme, se não quer spoiler, pare agora de ler este texto.

O filme conta a história da Bia, que é uma garota insegura e com poucos amigos que se tornou invisível na escola. Ela gosta de jogar vídeo game e tocar ukulele, e ainda no auge dos seus catorze anos nunca beijou ninguém. Seu melhor amigo é Bruno, colega de sala e parceiro de composições musicais. O seu pai amoroso e às vezes sem noção é Edu, que faz de tudo para que a filha sinta-se à vontade com seu jeito diferente. A vida de Bia dá uma reviravolta quando seu pai a inscreve em um concurso e ela ganha uma festa de quinzes anos. Bia se torna, da noite para o dia, a garota mais popular da escola, despertando inveja e criando inimizades. Já deu para sentir como é o filme, verdade?

Larissa Manoela na coletiva do filme “Meus 15 Anos” (Foto: Reprodução/Thais Teles)

A participação da cantora Anitta como uma espécie de fada madrinha e o núcleo do humor com Polly Marinho e o maravilhoso Victor Meyniel está impagável. Há uma cena deles explicando que Bia precisa encontrar alguém para dançar a valsa, mesmo a contragosto da garota. Então eles fazem uma boa comparação de que não ter um príncipe numa festa de debutante  é como Cirilo ficar sem Maria Joaquina.

Em “Meus 15 Anos” há uma desconstrução de alguns padrões para finais de filmes desse gênero. Bia termina feliz e sozinha ao invés de ficar com a sua paixão, o “príncipe” que virou um sapo, Thiago (Bruno Peixoto), ou com o seu melhor amigo Bruno. Larissa Manoela comentou este final para nosso site em exclusividade para o TV Foco: “Girl Power”.  E Caroline Fioratti, diretora do filme, ficou feliz com este final por ser feminista e empoderador. O desfecho de Bia gerou tanta dúvida que gravaram dois finais, no outro final, assim como no livro, Bia ficaria com Bruno (Daniel Botelho), mas optaram por deixá-la solteira no filme. Legal, não é?

Veja também

VÍDEO YOUTUBE: Luto! Anne Lottermann, do Faustão, encara a morte de perto

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários