Mais destaques

Mais destaques

Saiba quem ficou e quem saiu do Pânico após o fim do humorístico na TV

"Pânico" (Foto: Reprodução)
Pânico não existe mais na TV. (Foto: Reprodução)
Programa Pânico saiu do ar na Band. (Foto: Reprodução)

O programa Pânico não existe mais na TV, mas segue mais vivo que nunca no rádio. Transmitido todos os dias pela Jovem Pan em São Paulo, o programa de humor não tem mais a sua formação original e muito menos a que esteve na última temporada na Band.

Namorando a ex-BBB Gleici, Wagner tem atitude decepcionante com fãs e revolta

Rodrigo Scarpa, o Vesgo, Márcio Lúcio, o Carioca, e Marcos Chiesa, por exemplo, não fazem mais parte da equipe. O primeiro se mantém afastado da mídia após o término da atração. Carioca migrou para a Globo e tem participado do Central da Copa.

"Pânico" (Foto: Reprodução)
“Pânico” pode deixar à Band antes de dezembro. (Foto: Reprodução)

Já Chiesa, conhecido como o Bola, optou por não continuar, mas não revelou os planos futuros. Do elenco antigo, raiz, está apenas Emílio Surito, Evandro Santo e Amanda Ramalho. Na rádio ainda participam do programa os humorista Rogério Morgado e Matheus Ceará, além da repórter Marina Mantega.

SBT QUER O PROGRAMA PÂNICO

Veja também

Fora da televisão desde 2017, a equipe do Pânico pode voltar ao ar em uma nova casa. Dessa vez, Emílio Surita e sua trupe podem acabar indo parar no SBT. De acordo com informações do colunista Ricardo Feltrin, do UOL, Silvio Santos e o co-proprietário da franquia seguem com intensas negociações.

O dono do SBT não descarta essa possibilidade e estaria interessado em encaixar a produção, que já passou pela RedeTV!, Band e atualmente está apenas no rádio (Jovem Pan FM), nas noites de sábado, na faixa horária correspondente às 23h. A escolha é em função do humor pesado da atração.

O que vem dificultando as negociações é o fato de Silvio Santos querer que o contrato seja no modelo de sociedade. Dessa forma, o SBT e a produção do programa dividem todos os lucros com comerciais e merchandisings, mas também todos os custos de produção. Essa ideia não agrada a equipe do Pânico.

Emílio Surita e a Jovem Pan, sendo esta última detentora do formato da atração, acreditam que os custos são muito altos e querem receber também pelos direitos autorais da marca. A exemplo do que o SBT paga para os donos do Bake Off Brasil, entre outros. As negociações devem se desenrolar nos próximos dias.

 

VÍDEO YOUTUBE: Patricia Poeta briga com diretor do Encontro e dá basta final após ser barrada em reunião

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários