SBT

SBT dá volta por cima com Libertadores e Silvio Santos realiza desejo de peitar a Globo após guerra em 2003

SBT tirou Libertadores da Globo. (Foto: Montagem/Reprodução)
SBT tirou Libertadores da Globo. (Foto: Montagem/Reprodução)

Após fracassar em plano de desafiar o monopólio da Globo com o futebol há 17 anos, SBT surpreende ao tirar Libertadores da concorrente

Esta semana, uma notícia pegou muita gente de surpresa: a Globo perdeu os direitos de transmissão da Copa Libertadores, maior campeonato de futebol da América Latina, para o SBT, algo que parecia praticamente impossível há alguns anos, diante da força da Globo e do pouco poder de fogo do SBT, que sequer tem tradição com o esporte.

A emissora de Silvio Santos aproveitou o momento de fragilidade da Globo, que enfrenta uma grave crise financeira, agravada pela pandemia, e que além da perda da Libertadores, ficou sem os direitos da Fórmula 1 e até da próxima Copa do Mundo.

+ Didi com desfecho cruel, Maju fora do JH, morte na família de Silvio e Annenberg recebe bomba, escancara sensitiva

+ Oficial! Luísa Sonza faz a fila andar, assume namoro com Vitão e fotos picantes vazam: “Gostosa”

+ William Bonner tem conta com R$ 150 milhões divulgada, é convocado pela direção da Globo e assina saída: “Acabou”

O que pouca gente lembra, é que com essa conquista histórica do SBT, Silvio Santos pode finalmente concretizar um plano que teve início em 2003. Naquela ocasião, a emissora paulista tirou proveito de uma situação semelhante: a Globo havia rejeitado uma proposta de renovação de contrato com a FPF (Federação Paulista de Futebol) para a transmissão do Campeonato Paulista de futebol daquele ano, por não concordar com os valores ofertados.

O SBT, então, acertou com a federação e passou a transmitir os jogos, mas travou uma verdadeira guerra jurídica com a Globo, que ainda acreditava ter preferência na renovação do contrato, e chegou a protagonizar uma briga histórica dentro do estádio para exibir o jogo de estreia do campeonato.

SBT e Globo brigaram dentro de estádio em 2003. (Foto: Reprodução)
SBT e Globo brigaram dentro de estádio em 2003. (Foto: Reprodução)

IRRITAÇÃO

Na época, Silvio Santos demonstrava irritação com a Globo, acreditando que a emissora “monopolizava” as transmissões de futebol no Brasil. A rixa do dono do SBT com a concorrente vinha do ano anterior, com outra disputa jurídica histórica, envolvendo A Casa dos Artistas, na qual a Globo acusava de se tratar de um “plágio” do BBB.

Em resposta ao canal dos Marinhos, na época, o SBT chegou a soltar uma nota no qual criticava a rival pela superexposição do sequestro que Silvio Santos sofreu, junto com a filha, Patrícia Abravanel, em 2001, e que ganhou destaque na Globo.

Com toda essa insatisfação com a Globo, Silvio Santos tinha um plano ousado, de investir cerca de R$ 200 milhões para tirar alguns dos principais campeonatos de futebol da concorrente, começando pelo Paulistão e chegando até o Campeonato Brasileiro.

Porém, naquela época, a Globo acabou vencendo a queda de braço, recuperando os direitos do Campeonato Paulista já no ano seguinte, e mantendo os direitos do Brasileirão. Os baixos índices de audiência registrados com a transmissão dos jogos do Paulistão também desanimaram o SBT para insistir nesse plano.

13 anos depois, no entanto, Silvio Santos retoma essa ideia, conquistando logo o principal campeonato da América, e que costumava registrar audiência expressiva na Globo. Desejo finalmente realizado?

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Renan Santos

Atuando também como roteirista de TV e cinema, Renan é redator e colunista do TV FOCO desde 2014, noticiando e criticando o mirabolante e imprevisível universo televisivo e dos famosos.