ighome

SBT se perde no tempo, esquece de inovar e é engolido por todas as outras emissoras

Silvio Santos é dono do SBT (Foto: Divulgação)
Silvio Santos é dono do SBT (Foto: Divulgação)

O SBT de Silvio Santos tem passado por uma das maiores crises de sua história, tanto em audiência, quanto em produção de conteúdo

Todas as empresas e emissoras estão sentindo fortes impactos na forma de produzir conteúdo durante a pandemia, mas parece que o SBT tem sofrido ainda mais que os outros canais. O canal de Silvio Santos tem visto seus números, sua qualidade e até mesmo artistas desaparecerem, e não existe nenhuma evidência de que este cenário mudará nos próximos meses.

+ Audiência 13/11: Renata Fan é arrastada pro poço com todos da Band e Lacombe azeda com 0 na RedeTV!

+ William Bonner surge jogado no chão com esposa, sigilo é quebrado e fotos divulgam realidade de fuga

Por ter muitos programas de auditório, o canal precisou paralisar a produção de dois de seus principais produtos. O “Roda a Roda Jequiti” e o “Programa Silvio Santos” não possuem edições inéditas desde o início do ano por causa do novo vírus e com isso as reprises estão se tornando cada vez mais cansativas para o público.

O SBT enfrenta uma das maiores crises da sua história, principalmente por não conseguir conquistar o público, mesmo com investimentos milionários, como foi a compra dos direitos de exibição da Libertadores da América, que não conseguiu engrenar na audiência ou chegar minimamente próximo dos números marcados pela Globo com o futebol.

Além de tudo isso, existe ainda uma precariedade nos programas exibidos pela emissora. O jornalismo foi sucateado nos últimos tempos, principalmente com a perda de uma profissional como Rachel Sheherazade, que se envolveu em embates políticos que desagradaram Silvio Santos. Os telejornais perdem com facilidade para a concorrência e não possuem mais diferenciais que funcionem como atrativos.

+ Renata Vasconcellos fica na mira de psicopata e passa horas fora da Globo em meio a terror: “Foi ele!”

O SBT perdeu grandes profissionais nos últimos tempos, como Lívia Andrade, Leão Lobo, Mamma Bruschetta, Roberto Cabrini e até mesmo Maisa Silva, que era um dos principais nomes do canal desde a infância da apresentadora. Tudo isso tem contribuído para desmotivar o aumento da audiência e da produção de conteúdo, que está limitado à exibição de reprises, como tem acontecido com o “Casos de Família”, com as novelas e até mesmo o “Triturando”.

Enquanto não houver uma modernização na grande, inovações na forma de produzir durante a pandemia como outras emissoras têm feito, e existir um elenco forte que atenda todas as faixas etárias, vai ser difícil o SBT se reerguer e continuar a batalha contra a Record pela vice-liderança.

Este texto não reflete necessariamente a opinião do TV Foco.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Paulo Vito

Paulo Vito é um jornalista que trabalha com celebridades desde 2017 e admira tudo o que envolve o mundo dos famosos e da televisão. Está sempre de olho no que acontece nas redes sociais e faz questão de prestar atenção nas polêmicas e novidades!