Chaves

CelebridadesChaves

Senhor Barriga e Nhonho são a mesma pessoa; Edgar Vivar celebra 50 anos do ‘dono da vila’ do Chaves

Edgar Vivar deu vida ao Senhor Barriga e o Nhonho no seriado "Chaves"
Edgar Vivar deu vida ao Senhor Barriga e o Nhonho no seriado “Chaves” (Montagem/ Reprodução)

Senhor Barriga e Nhonho são a mesma pessoa; Edgar Vivar celebra 50 anos do dono da vila

O ator e comediante mexicano Edgar Vivar, conhecido mundialmente pelo seu personagem Senhor Barriga, do seriado clássico de humor inocente “Chaves” (1972-1980), tem atualmente 73 anos, e já visitou o Brasil incontáveis vezes.

Muita gente não sabe, mas Edgar Vivar também deu vida ao filho do Senhor Barriga, o menino comilão, inteligente e abastado de dinheiro, Nhonho. Ou seja, o Senhor Barriga e o Nhonho são o mesmo ator. Mas como pode isso? Efeitos especiais, não de primeira geração, mas tão críveis que enganou muita gente por anos.

Acontece que quando foi convidado por Roberto Goméz Bolaños, o próprio Chaves, para integrar o elenco da vila, em 1972, Edgar Vivar tinha apenas 23 anos. Com um bigode falso, e claro, com sua calvície precoce – além do sobrepeso – era só vestir um terno que ele aparentava ser um homem de 40 anos tranquilamente.

+TV Globo usa fórmula de sucesso do SBT e planeja reprisar novelas mexicanas famosas em rede aberta

Aproveitando a tenra idade de Edgar Vivar, o escritor e comediante Roberto Bolaños, criou o Nhonho para aproveitar a juventude do artista. Colocando uma peruca (para esconder a calvície), dentes postiços e usando um macacão, vezes cor-de-rosa, outras verde, algumas ocasiões na cor laranja, Edgar parecia uma criançona mesmo.

Veja também

Senhor Barriga e Nhonho no sentado em cima do Chaves
Senhor Barriga e Nhonho no sentado em cima do Chaves (Reprodução)

Mas o Nhonho só chegou ao seriado em 1974, dois anos após a contratação inicial de Edgar Vivar para interpretar o dono da vila ‘mão de vaca’ que ia cobrar o aluguel por si só, para economizar pagar um ‘cobrador’ dos aluguéis de seus inquilinos.

Neste ano de 2022, o personagem Senhor Barriga completa 50 anos de existência. Em entrevista exclusiva para o jornalista Rodrigo Ceribelli, do site Observatório da TVEdgar Vivar declara: “Não imaginei que iria passar tão rápido, eu me sinto satisfeito e grato pela aceitação e carinho do público.”, disse agradecido, o astro mexicano.

Edgar Vivar confessou todo seu amor pelos fãs do seriado “Chaves” no Brasil. “Adoro o Brasil, sua gente, sua comida. Estou muito feliz. Está complicado agora com essa pandemia, mas espero voltar em breve.”, afirmou o artista internacional.

Edgar Vivar de 73 anos
Edgar Vivar de 73 anos (Reprodução)

+“Mais falso que nota de 3 reais”: Arthur Aguiar vence título constrangedor após vitória no BBB22

APRESENTAÇÕES NO BRASIL

No ano de 2003, Edgar Vivar veio pela primeira vez ao Brasil, no programa “Falando Francamente”, de Sonia Abrão, na época, contratada do SBT.  “Em 2003, na primeira vez que fui ao Brasil, tive um encontro com o meu dublador Mário Vilela [voz do personagem] e pude agradecer a ele num programa por ter feito a minha voz para todo o público brasileiro, foi muito emocionante!”, destacou o veterano, recordando o dublador já falecido, Mário Vilela (1934-2005).

Ainda em entrevista para o jornalista Rodrigo Ceribelli, o humorista Edgar Vivar assumiu a dificuldade da barreira de línguas (ele fala espanhol) ao apresentar seus inúmeros shows realizados no país entre 2010 e 2018. “Para mim foi um desafio muito grande apresentar o meu show em português, aprender a falar e poder me comunicar com os meus fãs, foi uma satisfação retribuir o carinho deles”, relembrou o ator mexicano.

VÍDEO YOUTUBE: Bomba! Globo coloca Sabrina Sato na TV aberta com o NOVO Vídeo Show

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários