Chaves

Chaves

Seu Madruga se desentendeu com dona Florinda nos bastidores do “Chaves” e morreu trabalhando com o Kiko

Seu Madruga (Ramón Valdés) e dona Florinda (Florinda Meza) brigaram de verdade nos bastidores do Chaves
Seu Madruga (Ramón Valdés) e dona Florinda (Florinda Meza) brigaram de verdade nos bastidores do Chaves (Reprodução)

Ramón Valdés, o Seu Madruga, teria brigado com dona Florinda na vida real

Seu Madruga é o personagem mais querido dos brasileiros, que super se identificam com sua personalidade, seja pela dureza financeira, como pela falta de emprego no país. Vivendo de trambique em trambique, o personagem se esforça para se encontrar no mercado de trabalho, mas sempre, sem sucesso.

Seu Madruga era devedor assíduo do Seu Barriga, sempre devendo os marcantes 14 meses de aluguel, que não subiam e nem diminuíam. Ele era a paixão secreta da vizinha solteirona, dona Clotilde, a Bruxa do 71, e claro, sempre levava uns tabefes na cara da dona Florinda.

Dona Florinda e Seu Madruga viviam se desentendendo no “Chaves”, fosse por mals entendidos, ou pelas pirraças do Kiko, o filho mimado de dona Florinda. Às vezes ele merecia o tapa na cara, fosse por ter beliscado o Kiko ou por ter feito bullying com o menino bochechudo.

O pai da Chiquinha, sem dúvidas, não negava os centavos à sua filha para comprar doces, mas também a corrigia quando necessário. Viúvo, Seu Madruga vivia com a filha na vila e não pagava o aluguel, sempre amolecendo o coração do dono da vila. Que, por sua vez, tinha um coração tão grande que não cabia no peito, mas descia para a barriga.

+Prova do líder é interrompida, brothers ficam assustados e equipe de manutenção brota do chão no BBB22

Seu Madruga (Ramón Valdés) e dona Florinda (Florinda Meza) em cena nos bastidores do seriado mexicano "Chaves"
Seu Madruga (Ramón Valdés) e dona Florinda (Florinda Meza) em cena nos bastidores do seriado mexicano “Chaves” (reprodução)

Ramón Valdés, o Seu Madruga, atuou com a trupe de Chespirito (Roberto Gomés Bolaños) de 1968 até 1979. Entre alguns programas e outros, os mais marcantes com o elenco fixo que conhecemos, foram os seriados “Chaves” e “Chapolin Colorado”, entre 1971 e 1979.

Veja também

Acontece que em 1979, o Kiko (Carlos Villagrán), deixou a série por receber propostas irrecusáveis financeiramente de outros países para estrelar programas solos do Kiko. Ele aceitou para nunca mais voltar! Por isso vemos episódios do restaurante da dona Florinda, sempre sem o Kiko, porque era o fim de 1979, época que o astro já havia deixado o elenco.

Seu Madruga (Ramón Valdés) ainda ficou no “Chaves” em 1979, após a saída de Kiko, mas foram poucas semanas. Logo em seguida, o ator veterano foi buscar novas oportunidades pelo mundo e, no fim das contas, acabou se encontrando com Carlos Villagrán e juntos estrelaram o seriado do Kiko fora do México.

VOLTA À SÉRIE, BRIGA E MORTE

Acontece que após falhas tentativas sem sucesso no exterior, Ramón Valdés voltou a trabalhar com Roberto Bolaños em 1981, dois anos após sua saída das séries. A pedido do próprio Chaves, ele aceitou o convite de voltar. Naquela época, o seriado “Chaves” não existia mais, mas sim, o programa “Chespirito” (1980-1995), onde o Chaves e o Chapolin eram quadros.

Os quadros de Chaves e Chapolin, entre os anos 1980 e 1990, duravam em média 10 minutos, às vezes 15 minutos, para dividir a atração de 45 minutos com outros personagens de Bolaños, como o Dr. Chapatin, Chompiras (Chaveco) e Chaparron (Pancada).

+Após 32 anos, a morte passou o facão em grande parte do elenco da primeira versão de Pantanal; Confira

Ramón Valdés, em sua volta para o seriado “Chespirito”, ficou marcado por um momento lindíssimo, onde ele reencontra Chiquinha e sua avózinha, Dona Neves. O episódios de apenas 10 minutos é de pura emoção de todo elenco recebendo o Seu Madruga de volta à vila.

Porém nem tudo são flores, com menos de 1 ano de volta ao Chaves, Ramón Valdés resolveu sair de novo, para nunca mais voltar. Ele sofreu divergências criativas com Florinda Meza, a dona Florinda, que na época, já era companheira amorosa de Bolaños. Florinda estava se achando dona de tudo e mandando mais do que deveria nos bastidores.

Com todo respeito, Ramón Valdés teve uma conversa franca com Roberto Bolaños e disse: “Ou ela, ou eu”. E ele que saiu, afinal de contas, o Chaves estava perdidamente apaixonado por Florinda e aceitava todas suas ordens. O artista preferiu sair novamente do seriado, para nunca mais voltar.

Em seguida, Ramón Valdes trabalhou com Carlos Villagrán, o Kiko do “Chaves”, em outros programas fora da série. Eles foram para a Venezuela estrelar o seriado “Federrico” (1982) e, mais tarde, “¡Ah que Kiko!” (1987), que foi seu último trabalho na televisão.

Ramón Valdés faleceu em 09 de agosto de 1988, aos 64 anos, de um câncer no estômago, além de ter enfisema pulmonar devido seu vício no cigarro. Ele está sepultado no Mausoleos del Ángel, na Cidade do México, onde ele recebe incontáveis visitas de fãs do mundo todo até hoje.

VÍDEO YOUTUBE: Leonardo é menosprezado pelo próprio filho João Guilherme 

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários