Celebridades

CelebridadesGloboSilas Malafaia

Silas Malafaia se revolta, entrega verdade arrasadora sobre Globo e é gravemente punido: “Vou desmascarar vocês”

O famoso apresentador, pastor e líder religioso, Silas Malafaia agitou as redes sociais após detonar a Globo em seu canal e receber punição severa (Foto: Reprodução/Montagem TV Foco)
Silas Malafaia agitou as redes sociais após detonar a Globo em seu canal e receber punição severa (Foto: Reprodução/Montagem TV Foco)

O famoso apresentador e pastor brasileiro, Silas Malafaia causou um verdadeiro alvoroço após detonar a Globo em seu canal

Quem acompanha o famoso apresentador e pastor da Igreja Assembléia de Deus, Silas Malafaia, sabe que dia sim, dia não, o líder religioso acaba se envolvendo em uma nova polêmica, e dessa vez não foi diferente. Isso porque, o empresário conseguiu ficar entre os assuntos mais comentados da internet novamente após acabar com a Globo e receber uma punição daquelas por falar mais do que deveria sobre a pandemia do covid-19.

Simaria espanta público ao aparecer sem sutiã e com roupa completamente transparente: “Gostosa pra caramba”

SILAS MALAFAIA É PUNIDO

O profissional realmente causou um alvoroço e tanto e acabou sendo severamente punido por isso. Pode até parecer brincadeira, mas o cristão teve sete publicações excluídas de sua conta pessoal no Twitter no dia 02 de abril. No lugar das publicações, feitas durante a tarde, começou a aparecer a mensagem: “Este tweet não está mais disponível”.

O motivo? Silas Malafaia havia infringido as mesmas regras que o Presidente da República Jair Bolsonaro. Ao G1, a rede social afirmou que as publicações “infringiam regras sobre coronavírus”. Em nota, o Twitter ressaltou que “anunciou recentemente em todo o mundo a expansão de suas regras para abranger conteúdos que forem eventualmente contra informações de saúde pública orientadas por fontes oficiais e possam colocar as pessoas em maior risco de transmitir COVID-19.”

LÍDER RELIGIOSO ATACA GLOBO

Já não é mais segredo para ninguém que as trocas de farpas entre os veículos do Grupo Globo e o pastor Silas Malafaia acontecem há anos. Entretanto, isso piorou consideravelmente nas últimas semanas, quando o líder da Assembléia de Deus resolveu citar algumas publicações da empresa que indicavam uma “exploração de fatos com um viés de detração contra ele”.

Veja também

Usando uma matéria publicada no jornal O Globo, na última sexta-feira (10), que tinha como título “Igreja de Silas Malafaia não poderá realizar cultos no estado do Rio durante pandemia, determina desembargador” e a sentença “Derrota de Malafaia”, o apresentador não poupou palavras e atacou a emissora carioca sem dó. “Quero agradecer ao Grupo Globo pela oportunidade de desmascarar vocês mesmos”, começou.

Por meio de seu canal no Youtube, o famoso pastor não conseguiu esconder sua indignação e deu a entender que o canal estava tentando lhe derrubar, com falsas acusações sobre ele não querer fechar suas igrejas, já que desde o dia 19 tudo estava com as portas fechadas. “Interessante que ninguém da Globo quis publicar essa decisão”, declarou.

No final, o famoso apresentador e pastor afirmou que a intenção da emissora carioca era transmitir às pessoas a ideia de que ele estaria cometendo “desobediência civil”, como forma de desacreditá-lo perante o público. “Eu sei por que! Porque eu tenho dado pancada na imprensa parcial; porque sou aliado de Bolsonaro. Sei qual é a maldade que está por trás”.

VEJA O VÍDEO COMPARTILHADO PELO PASTOR

Repórter da Globo é atacada ao vivo, homens vão para cima e Cesar Tralli fica visualmente assustado: “Lixo”

VÍDEO YOUTUBE: Programa da Ivete Sangalo na Globo É DETONADO 

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários