Celebridades Silvio Santos

Silvio Santos cria Tinder da TV brasileira para desencalhar jovens e é copiado por outras emissoras

O apresentador e empresário Silvio Santos, dono do SBT (Foto: Reprodução)
Silvio Santos (Foto: Reprodução/SBT)

Silvio Santos foi o primeiro a criar programa nos moldes do Tinder na TV brasileira

Silvio Santos é precursor de diversas inovações na televisão e um ícone da comunicação no Brasil. À frente de seu tempo, o dono do SBT fez história ao criar programas de namoro muito antes da chegada da internet ao País e, obviamente, da invenção do Tinder. 

Um fenômeno na telinha, Em Nome do Amor, que estreou em 1994, marcou toda uma geração ao promover romances em frente às câmeras.

Sem dar tempo para que os casais se conhecessem melhor, o Homem do Baú anunciava uma dança romântica no palco, geralmente ao som de Julio Iglesias, e logo partia para a pergunta: “É namoro ou amizade?”. Em seguida, após a ‘interação relâmpago’, os participantes decidiam se queriam ou não engatar uma relação com quem dançaram.

A produção, é claro, deu o que falar e  acabou sendo copiada. Canais como Record e MTV reproduziram projetos nos mesmos moldes. Até mesmo dentro do próprio SBT a ideia original ganhou novas versões. 

Silvio Santos no Em Nome do Amor
Em Nome do Amor (Foto: Reprodução/SBT)

É importante destacar que no Em Nome do Amor os candidatos eram divididos de uma forma muito organizada. Os homens de um lado e as mulheres de outro. E, pasmem, eles flertavam através de binóculos. Depois, Silvio Santos batia papo com cada um dos participantes e promovia a famosa dança, para que os possíveis casais pudessem conversar ao ‘pé do ouvido’. Assim que a música terminava, as duplas tinham que revelar se tentariam um romance fora das câmeras ou se seguiriam sozinhas. O programa foi exibido de 1994 a 2000.

Silvio Santos também apresentou o Se Rolar, Rolou
Se Rolar, Rolou (Foto: Reprodução/SBT)

Se Rolar, Rolou

Também no SBT, o projeto tentava firmar o romance entre um homem ou mulher com algum dos 50 candidatos que se encontravam no palco. Para ‘filtrar’ os pretendentes, o participante já eliminava diversas pessoas ao selecionar suas preferências em quesitos básicos, como atributos físicos ou hobbies preferidos. Os descartados, em seguida, desfilavam em frente às câmeras para mostrar o que a pessoa que estava à procura de um (a) namorado (a) havia perdido. Era apresentado por Silvio Santos e entrou no ar em 1996.

Xaveco (Foto: Reprodução/SBT)

Xaveco

No início comandado por Silvio Santos e depois assumido por Celso Portiolli, o “Xaveco” também promovia o namoro na TV, mas tudo girava em torno de gincanas. As provas, aliás, eram para lá de duvidosas. Em uma delas, para se ter uma ideia, as garotas precisavam imitar gatas, em cima do apresentador, que ficava deitado em uma cama. Além disso, o programa se transformava em uma verdadeira balada, com luzes de casa noturna, músicas da moda e diversos jovens dançando. A atração ficou no ar de 1997 a 1998 e depois foi reprisada em 2004.

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Daniela Silva