Celebridades

Celebridades

Solange Couto denuncia o que viveu nas mãos de Sidney Magal como esposa secreta dele: “Casada 5 anos”

Solange Couto abre o jogo sobre casamento com Sidney Magal (Foto: Reprodução/Montagem)
Solange Couto abre o jogo sobre casamento com Sidney Magal (Foto: Reprodução/Montagem)

+Alok sofre incidente, tem corpo complemente queimado e imagens agonizantes são divulgadas 

+Galã da Globo deixa a emissora, passa fome e vive situação desesperadora em programa: “Sobrevivência” 

Sidney Magal e Solange Couto já foram casados nos anos 1970

Na última terça-feira (7), Solange Couto foi convidada de um podcast e abriu o jogo sobre o casamento que teve nos anos 1970 com Sidney Magal, que durou 5 anos. Apesar de não ter citado nomes na entrevista, todos sabem que se trata do cantor.

“Não interessa, deixa ele para lá”, disparou Solange Couto em bate-papo com Sérgio Mallandro Renato Rabello, quando o assunto veio à tona no Papagaio Falante. Dessa forma, a atriz revelou que nunca mais teve contato com Magal após o término do relacionamento, que se deu de 1975 até 1980.

“Tem 45 anos que a gente deixou de ter [um relacionamento]. Desde então, nós nunca mais nos falamos nem nos comunicamos. Nunca nos encontramos em eventos. Fomos nos encontrar no Dança dos Famosos. Pensei: ‘Vai ser difícil porque vai ser uma convivência profissional, mas nós somos profissionais’.”, declarou Solange Couto.

Veja também

Solange Couto participou do Papagaio Falante (Foto: Reprodução)
Solange Couto participou do Papagaio Falante (Foto: Reprodução)

Solange Couto, que atualmente está solteira, ainda assegurou que não guarda ressentimentos de Sidney Magal: “A pessoa se ateve esses anos todos de falar meu nome em qualquer momento, em qualquer circunstância. Então, eu não tenho o direito de ficar falando o nome da pessoa. O nome disso é respeito.”

Não podia

“Não ficamos amigos e há uma distância absoluta”, disse ainda Solange Couto, que recordou que Sidney Magal era um ídolo da música na década de 70. “Era um casal que não podia andar junto”, revelou, destacando que todos os grandes astros da época não podiam ser comprometidos, já que seu sucesso dependia do assédio e das fantasias das fãs.

“Na época, Roberto Carlos não podia ser casado. Jerry Adriani e Wanderley Cardoso não podiam apresentar esposa, e essa pessoa [Sidney] também não podia apresentar a mulher. Para todo o sempre, eles eram solteiros. As mulheres não eram apresentadas, não andavam juntos, não jantavam fora, não viajavam. A única hora que ficavam juntos era dentro da própria casa”, concluiu Solange Couto.

VÍDEO YOUTUBE: Silvia Poppovic expõe luta contra o CÂNCER e Eliana fala de saída do SBT

Quem escreve

Beatriz Castro

Tenho 32 anos e sou formada em Produção Multimídia. Sempre fui uma apaixonada por leitura, escrita e televisão. Adoro trazer informações sobre o mundo das celebridades.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários