Streaming

Audiência da TVStreaming

Streamings tem audiência maior que toda TV por assinatura e supera canais abertos como SBT e Record TV

Round 6 foi a série de maior sucesso da plataforma Netflix no mundo neste ano de 2021 (Foto: Reprodução/ Internet)
Round 6 foi a série de maior sucesso da plataforma Netflix no mundo neste ano de 2021 (Foto: Reprodução/ Internet)

Audiências dos servicos de streamings superam televisão aberta e TV por assinatura 

As plataformas de streaming estão com tudo! Com a Pandemia, iniciada em 2020, o isolamento social fez as pessoas assitirem mais televisão, e não necessariamente a popular e acessível TV aberta. Na verdade, o telespectador buscou novas fontes de entretenimento e conforto, no caso, as plataformas de streamings online. Com vastos catálogos de filmes, desenhos, séries e até novelas, o ano de 2020 a TV aberta sofreu com uma explosão de consumismo na área.

Porém, o ano de 2021 teve uma pequena queda até nos serviços online, isso porque, muita gente saiu do isolamento social e voltou à rotina devido as três doses da vacina contra a Covid-19. Com mais liberdade, do ano de 2020 para 2021, o número de televisores sintonizados caiu bastante, mas mesmo assim, as plataformas de streamings no país, ainda dão mais audiência que a TV Paga, o SBT e a Record TV juntos! É alarmante para a clássica TV aberta se ver passar por essa atual situação de crise na audiência.

Segundos alguns números obtidos pelo site Notícias da TV, as plataformas de streamings tiveram um crescimento de 27% na faixa das 07h à meia-noite, conforme dados do PNT, o conhecido Painel Nacional de Televisão, que apresenta a audiência de até 15 regiões metropolitanas de destaque no Brasil. Em uma comparação de Janeiro a Novembro de 2020 com esse mesmo período em 2021, o crescimento foi de 5,9 para 7,5 pontos de audiência.

+Mãe de Marília Mendonça faz pedido ao público: “Só peço respeito”

A TV por assinatura teve uma queda 20% em sua audiência, de 6,6 em 2020 para 5,3 em 2021. Essa queda se justifica com os cancelamentos dos assinantes, ou seja, a diminuição de contratantes do serviço de televisão paga caiu bruscamente devido a facilidade que proporcionam os serviços de streamings que trazem o mesmo conteúdo sem comerciais e disponíveis a hora que você bem entender para assistir, ainda mais, sem se prender a horários e rotinas.

Veja também

Netflix não pretende seguir estratégia da Globo para compor elenco (Foto: reprodução)
Netflix e outros serviços de streaming são uma pedra no sapato da Globo e outras emissoras no país (Foto: reprodução)

Já o SBT, que já foi vice-líder de audiência no país, está comendo muita poeria nos últimos anos. Atualmente, o popular canal da TV aberta teve uma queda de 5,2 para 4,4, ou seja, 15% menos audiência. A Record TV tem sido um grande destaque nestes dois anos de Pandemia, mesmo sofrendo também efeitos dos streamings, até então, se mantém estável diante de outros canais. A Record TV fechou com uma alta de 5,8 em 2021, para 5,9 em 2021, durante o mesmo período. Positivo, mas nem tanto.

Na apuração desta medição do PNT, os dados de serviços de streaming são apontados como “conteúdo de TV/vídeo sem referência”, que incluem não somente as plataformas como Netflix, HBO Max, Prime Video, Globoplay, Disney+ e  outros, mas também entram na medição o YouTube, videogames e/ou DVDs.

+Jair Bolsonaro volta às pressas do Réveillon por sentir fortes dores abdominais e se interna em São Paulo

A Globoplay, serviço de streaming da TV Globo, foi a melhor sacada da emissora carioca, até porque eles pegam uma larga fatia desta audiência em seus conteúdos online. Globo continua sendo Globo e líder de audiência no país. A Vênus Platinada registrou 14,4 pontos na média-dia de Janeiro a Novembro de 2021, um pouquinho menos do que o dobro do serviço digital. A diferença é alarmante, eram 9,5 pontos em 2020 e foi encurtada para 6,9 de média no mesmo período em 2021.

O SBT vem sendo fortemente afetado, foi de 6,6 em 2020 para 5,7 no mesmo período e 2021. Já a Record TV, devido ao grande sucesso da novela bíblica “Gênesis” foi a única das emissoras abertas que teve um crecimento significativo, de 7,1 em 2020 para 7,6 no mesmo peíodo em 2021, mas ainda assim, bem menor que o conteúdo digital.

Lembrando que celulares, tablets, qualquer tipo de aparelho móvel, não entram na contabilização do estudo, somente a clássica Televisão.

Faixa Nobre da TV

O horário nobre, a faixa das 18h à meia-noite na TV aberta, perderam grande parte de sua aidência para a Netflix, YouTube e outros serviços de streaming, por exemplo. Atualmente, é a ameaça do momento contra a clássica televisão brasileira. O consumo nesta faixa do horário nobre, no período de Janeiro a Novembro de 2020 em serviços online, tiveram um crescimentos de 7,4 pontos para 9,3 no mesmo período em 2021. Já a TV Globo caiu de 23,1 neste período em 2020 para 21,6 pontos em 2021. Enquanto isso, a TV por assinatura teve queda brusca de 9,0 em 20202 para 7,5 pontos em 2021 no mesmo perídodo.

VÍDEO YOUTUBE: Wesley Safadão é internado às pressas e mãe implora orações

Quem escreve

Gustavo Melo

Apreciador da cultura pop das décadas passadas e muito antenado no mundo atual das celebridades, sou ainda um cinéfilo crítico, colecionador de filmes, livros e discos de vinil. SBTista de coração, Chespirito formou meu caráter e bom humor.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários