TV Foco

Tim Maia volta em carta psicografada, revela detalhes de onde está: “Fui irresponsável por minha vida”

Tim Maia (Foto: Divulgação)
Tim Maia (Foto: Divulgação)

Tim Maia faleceu em 1998 e deixou muitas saudades. Porém, recentemente, o cantor voltou em forma de carta psicografada e deu detalhes de onde está e como se sente.

Um dos maiores compositores e cantores que o Brasil já viu nos deixou há mais de dez anos. Tim Maia deixa saudades até hoje, mas sua música continua viva e alegrando a vida de todo mundo. Recentemente, uma carta psicografada dele foi divulgada pela página Cartas Psicografadas de Artistas e intrigou muita gente pelas declarações. Confira abaixo.

+Ana Maria Braga tem segredo “comprometedor” exposto na Globo e fica sem chão: “Foi uma tragédia”

A carta

“Não vim aqui para mentir. Eu [ Tim Maia ] não preciso disso não. Estou bem depois de uma longa internação num hospital por estas bandas. Tudo está tranquilo e eu me reencontrei novamente. Estou são, por enquanto.

Esse cara aí, pela segunda vez, me fez chegar até ele. Nunca psicografei, mas já dei intuições por aí à vontade. Esse negócio é realmente muito estranho. Alguém ficar falando ou escrevendo por você, mas é o jeito que se tem por aqui.

Fui irresponsável com a minha vida, confesso. Tive oportunidade de montar uma vida tranquila e equilibrada, mas não era o meu propósito de vida. No fundo, acho que era recalque mesmo. Fiz [ Tim Maia ] e está feito, não há nada que se possa fazer para alterar o passado. Agora estou em outra.

Tim Maia ganhará homenagem no Fantástico. (Foto: Reprodução)
Tim Maia ganhará homenagem no Fantástico. (Foto: Reprodução)


Peraí, não vão achar que virei beato ou espírito santo. Coisa nenhuma. Peno ainda em controlar a minha condição. É difícil, mas o pessoal daqui fica o tempo inteiro no meu pé.

Sou um aficionado por música e neste lado também se curte um som. Som maneiro. Tem de tudo. Tem rock, tem blues, tem soul, tem batida leve. Cada um de acordo com a sua praia.

Integro [ Tim Maia ] um grupo que faz festa nos presídios do lado de cá. Parada sinistra, mas tem resultado. O pessoal se delicia com a música e repensa a vida que teve. Tremenda terapia, mano.

Sei que fiz muita besteira e que não sou exemplo para ninguém, mas não abro mão da minha liberdade. É a única coisa minha de verdade e que ninguém me leva, a menos se eu deixar.

Estou [ Tim Maia ] por aqui de passagem. Me deram uma espécie de condicional por bom comportamento. Logo eu…

Na verdade, finjo melhoria porque me encontro, de vez em quando, querendo cheirar um pozinho ainda. Sou réu, confesso. Não dá pra mentir do lado de cá. Veja o que é essa danada da droga, nem morto a gente se livra dela.

Fico pensando no pessoal que vive cheirando e bebendo por aí sem saber o destino que lhe espera. Tremenda roubada, meu irmão. Tem que pagar pra ver.

Eu [ Tim Maia ] estou bem, contem aí para os meus amigos e para quem gosta de mim. Esse filme aí que fizeram de mim é legal. O pessoal mandou bem. O cara que fez eu mais velho é muito feio, sou mais eu.

Os musicais são emocionantes. Assisti  [ Tim Maia ] um que não me contive e cantei duas músicas. O Thiago pensou que estava delirando. Era eu, cara. Que viagem, meu irmão.

Tenho encontrado muita gente por esses lados nestas andanças musicais. A Elis Regina não para. Agora chegou o Jair Rodrigues. Gente boa, pessoa querida, vocês precisavam ver o cortejo que fizeram para ele. Tudo maravilha!

Vou nessa, estão me esperando. Estão fiscalizando o que eu escrevo para eu não me precipitar e botar com a língua entre os dentes.

Tudo na vida vale a pena, mas não cabe repetir o caminho que já se viu que era errado, entendeu? Toda a minha vida eu dediquei a música, que mexe com a gente e deixa a gente feliz.

Juízo, pessoal! É hora de partir. Fui!

Tim Maia”, contou o cantor.

Participe agora do grupo do TV FOCO no Telegram e receba tudo sobre BBB - Clique aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Arthur Farias