PROIBIÇÃO!

“Uma tortura”: Bonner paralisa o JN com proibição para Uber e 99 e nova lei atinge milhões de brasileiros


Jornal Nacional anuncia PROIBIÇÃO para Uber e 99 - Foto: Montagem

William Bonner comunicou a decisão envolvendo a UBER e 99 no Jornal Nacional

Não há dúvidas de que empresas como Uber e 99 são duas gigantes quando o assunto se trata de serviços de corridas de aplicativo. E por falar nas companhias, elas foram assunto de uma notícia bombástica apresentada por William Bonner, no Jornal Nacional.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Na ocasião, o âncora da Globo trouxe à tona uma nova lei que atinge milhões de brasileiros e notícia com proibição para as empresas. Vale dizer que, a ordenança diz respeito um item que é do interesse de todos que utilizam esse tipo de corrida: O ar-condicionado.

Vale dizer que, a edição do Jornal Nacional em questão foi ao ar no dia (09) de janeiro de 2024. A nova lei se deu no Rio de Janeiro, quando a Secretaria de Defesa do Consumidor proibiu que motoristas de carros de aplicativos cobrem qualquer valor adicional pelo uso do ar.

Assim, os condutores que atuam no estado precisam manter o ar ligado durante o trajeto com os passageiros ou podem sofrer com suspensões.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


“Com a temperatura nas alturas, é quase uma tortura andar em veículos sem ar-condicionado”, diz um trecho da reportagem. É importante destacar que, antes nova resolução vir à tona, circularam vídeos na internet, onde um motorista surgiu cobrando R$ 0,50 por quilômetro rodado, com tarifa mínima de R$ 5, para ficar com o ar ligado.

Veja também

Uber, 99
Nova lei no Rio atinge Uber e 99 (Foto: Divulgação/Internet)

Igor Rodrigues Brito, diretor do Idec, emitiu um pronunciamento sobre o assunto. “Uma autoridade de tem que colocar alguns limites em prestadores de serviços, seja nas empresas ou autônomos, sobre aquilo que vai ser cobrado do consumidor”, disse ele ao Jornal Nacional.

O diretor do Idec ainda pontuou que, qualquer valor fora do acordo com o aplicativo, não deve ser cobrado. “Caso contrário, abre uma possibilidade infinita de cobranças extras e adicionais, vira a famosa venda casada, que é proibida pelo Código de Defesa do Consumidor”, relatou.

Agora, com a nova resolução, no instante que o usuário fizer a solicitação do carro, as informações devem estar esclarecidas, sobre ter ou não ar-condicionado. Caso o carro não tenha ou o aparelho apresente problemas, o aplicativo terá que suspender a circulação do veículo.

Uber
Uber (Foto: Divulgação/Internet)

Por sua vez, o sindicato que representa os motoristas alegou que os lucros diminuíram nos últimos anos e isso afeta os ganhos. Porém, uma cobrança extra feita por fora seria uma violação do Código de Defesa do Consumidor, ou seja, NÃO PODE ACONTECER.

Vale dizer ainda que, a TV Globo procurou as plataformas de aplicativo e aguarda as respostas. A prefeitura do RJ destacou que o Aplicativo Táxi Rio tem a determinação de deixar o ar-condicionado ligado nos táxis, cabendo ao passageiro a decisão de desligá-lo ou não, segundo o G1.

Jornal Nacional anuncia PROIBIÇÃO para Uber e 99 - Foto: TV FOCO
Jornal Nacional anuncia PROIBIÇÃO para Uber e 99 – Foto: TV FOCO

Quanto ganha um motorista de Uber?

Um motorista do aplicativo que trabalha cerca de 6 horas por dia com o Uber pode ganhar por dia em torno de R$150, e de acordo com o portal ‘ClubMotor’, o rendimento mensal seria de até R$3 mil.

🚨 Luto! Morre atriz amada da Globo + Ana Maria em gu3rra com a Platinada + Davi torrando os milhões 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Eu sou Kelves Araújo, graduando em Engenharia de Produção Civil pelo IFCE. Apaixonado pelos bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos e escrever a respeito. Atuo na área desde o ano de 2019, e exerço meu trabalho com muito entusiasmo por gostar do que faço. Minhas redes sociais são: e-mail: kelvis.oliveira@otvfoco.com.br