Agora

Agora

Falida, varejista amada ressurge no Brasil após 24 anos e compra milionária de uma das maiores concorrentes

Loja varejista e sua concorrente (Foto: Reprodução / Internet)
Loja varejista e sua concorrente (Foto: Reprodução / Internet)

Uma grande rede varejista tem seu retorno triunfal anunciado

A marca voltaria depois sob comando da mesma empresa que dirige a operação digital da Marabraz e arrematou a varejista por R$ 5 milhões em leilão judicial em 2009.

A nova controladora, porém, levou uma década até relançar o site e voltar a vender os produtos de acordo com informações do portal Metrópoles.

SAIBA MAIS! É chocante: Há anos nos comerciais da Marabraz, Zezé e Luciano faturam quantia absurda: “Milhões e milhões”

Estamos falando da loja de departamentos Mappin que fez muito sucesso nos anos 80 e 90, mas que ficou inativa em 2009. Porém, desde 2019 a rede varejista está tentando voltar ao mercado, mas agora de uma forma diferente.

O Mappin pretende voltar a conquistar seus clientes, mas no momento, apenas com vendas online. Segundo o site, a marca foi comprada nos anos 80 pela Marabraz, uma das maiores empresas de comércio do Brasil, e relançada na web.

Veja também

Desde 2019 o site voltou ao ar, passou por reformulação agora em julho deste ano e pretende se transformar em uma plataforma de Marketplace.

O Mappin fechou as lojas presenciais em 1999, para voltar a ativa apenas comercializando produtos Marabraz, como nas lojas que boa parte dos brasileiros conhecem.

Mais famosa em artigos domésticos, a nova varejista passou a vender guarda-roupas, sofás, conjuntos de mesas e cadeiras e móveis multifuncionais após 24 anos de seu fechamento nas lojas físicas.

APOSTANDO EM NOVIDADES?

Para voltar a conquistar o público, o slogan da marca é ‘Reviva o Mappin’. O consumidor encontra os mesmo produtos e preços oferecidos no site da dona da marca, conhecida pelo slogan “Preço menor ninguém faz”. Toda a logística também fica por conta da dona da Marabraz, com entrega para todo o Brasil.

No futuro, mas ainda sem uma data definida, será lançada uma linha premium para diferenciar os produtos vendidos no Mappin da Marabraz.

Com seu auge nos anos 1970 e 1980 com lojas físicas, o Mappin viu as atividades serem encerradas em 1999, com uma dívida que superava R$ 1,1 bilhão.

O foco exclusivamente em comércio eletrônico que a empresa busca alavancar no pós-pandemia contrasta com o histórico do Mappin, que fez sucesso como loja física.

Mappin (Reprodução/Internet)
Varejista Mappin (Foto: Reprodução / Internet)

QUANDO FOI FUNDADA A REDE VAREJISTA?

O Mappin foi fundado em São Paulo em 1913 pelos irmãos Walter John Mappin e Herbert Joseph Mappin. Ao longo dos anos, a marca teve uma série de controladores. O último antes da falência foi o empresário Ricardo Mansur.

 

Quem escreve

Diego Laureano

Sou formado em Teatro, Produção Audiovisual e Jornalismo e completamente apaixonado por comunicação. Já atuei em emissoras de TV como Assistente de Produção e Redator em portais de entretenimento. Escrevo sobre televisão e seus bastidores, com responsabilidade, clareza, leveza e muito amor desde 2008. Mas a minha realização profissional está no Departamento de Novelas e Realities, no qual faço parte no TV Foco desde 2022. Além de Redator, atuo como Co-Apresentador das Lives do site no YouTube, às terças e sextas-feiras. Minhas redes sociais são: diego.laureano@otvfoco.com.br