Emissoras Globo

Vaza vídeo bombástico de jornalistas da Globo tirando a roupa no meio da redação e empresa se posiciona

Globo flamengo
O Globo demitiu jornalista após filmagem em comoração por vitória do Flamengo (imagem: Reprodução)

Eufóricos com a vitória do Flamengo sobre o River Plate na final da Libertadores, jornalistas de O Globo comemoram tirando a camisa no meio da redação

Alguns jornalistas do Grupo Globo, com sede no Rio de Janeiro, resolveram extravasar em plena redação após a vitória do Flamengo sobre o Rivar Plate nos últimos minutos do segundo tempo, em partida válida pela final da Taça Libertadores da América, que consagrou o time rubro-negro como bicampeão da América. O momento foi filmado e compartilhado por um outro repórter da empresa que foi demitido; já os que tiraram a camisa e comemoraram a vitória, permaneceram com o emprego. Nas imagens, é possível ver que dois repórteres tiram a camisa, enquanto outro levanta parcialmente.

As informações são do jornalista e colunista do UOL, Leo Dias, que em seu blog revelou que o repórter Adalberto Neto, que era o responsável pela editoria de Bairros do jornal O Globo, foi demitido da empresa nessa quarta-feira, 04. Neto foi o responsável por gravar o vídeo de seus então colegas eufóricos com a vitória do Flamengo, e os mesmos tirando a parte de cima da roupa em plena redação.

O polêmico vídeo foi divulgado por Adalberto Neto em seu perfil nas redes sociais e repercutiu mal entre os torcedores dos outros times, que criticaram a falta de isenção dos profissionais responsáveis por cobrir o setor de esportes do Grupo Globo. Conforme Leo Dias, nas imagens é possível ver a comemoração do editor de Esportes do jornal, Márvio dos Anjoos, e de boa parte da equipe que estava em plantão no dia da final da Taça Libertadores da América.

Conforme exposto na filmagem, Márvio dos Anjos, no momento de euforia pelo gol do Flamengo, tira a camisa e sai correndo, gritando, em plena redação do jornal O Globo. Adalberto Neto, responsável pela gravação, diz, ao fundo: “Gente, que é isso? Isso é uma redação de um jornal sério”.

Nas redes sociais, algumas pessoas que repercutiram o vídeo questionam a isenção da Globo. “O jornalista tem que ser isento, a comemoração teria que ser feita fora do ambiente de trabalho. Péssimo exemplo”, disse um.

De acordo com Leo Dias, a Globo decidiu demitir Adalberto Neto, mas não o editor de esportes Márvio. O colunista diz também que muitos internautas pediram a demissão de Márvio.

https://www.instagram.com/p/B5sOrPRADdh/

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Redação TV Foco