Celebridades

Celebridades

Veja fotos do casal Nardoni em estado deplorável, após 12 anos do assassinato; um virou faxineiro

Casal Nardoni cumprem pena a mais de 10 anos (Foto: Divulgação)
Casal Nardoni cumprem pena a mais de 10 anos (Foto: Divulgação)

O casal está preso até hoje no presidio de Tremembé, em São Paulo

A morte da pequena Isabella Nardoni chocou todo o país em 2008. A menina foi jogada do sexto andar de um prédio onde morava junto com o pai, Alexandre Nardoni, e a madrasta, Anna Carolina Jatobá.

Depois de mais de uma década, esse é um dos crimes mais bárbaros e mais famosos do Brasil. Em pesquisa feita pelo Instituto Sensus, foi descoberto que 98,2% da nossa população sabia sobre o assassinato cometido pelo casal Nardoni.

Apesar de alegarem inocência, o pai da garota e a madrasta foram acusados de cometerem homicídio triplamente qualificado. Depois de muitas perícias e estudo de caso, ficou determinado que a madrasta feriu Isabella, que tinha apenas 5 anos de idade, com uma chave de fenda, e em seguida, lhe enforcou.

Já Alexandre Nandoni, o pai de Isabella, teria cortado a tela de proteção da janela, jogando a garotinha do sexto andar do prédio onde morava, o Edifício London, na zona norte de São Paulo.

COMO ESTÃO ALEXANDRE NARDONI E CAROLINA JATOBÁ

Alexandre Nardoni foi condenado a 31 anos e um mês de prisão, enquanto a esposa dele, recebeu pena de 26 anos e oito meses.

Veja também

Desde o início de sua sentença cumprida dentro da prisão de Tremembé, Alexandre teve diversos empregos. Formado em direito, ele começou como ajudante de faxina, dando apoio a serviços de lavanderia, jardinagem e foi ajudante geral.

Alexandre Nardoni trabalhou com faxineiro (Foto: Divulgação)
Alexandre Nardoni trabalhou com faxineiro (Foto: Divulgação)

Em 2019, os advogados do pai de Isabella conseguiram que o criminoso cumprisse o restante da pena em regime semiaberto. A partir disso, Alexandre Nardoni passou a trabalhar na fábrica de confecção de mesas do Tremembé, que abastece escolas públicas e estaduais no estado de São Paulo.

Ana Carolina conseguiu a regalia do regime semiaberto ainda antes do marido, em 2017. Ela trabalhou de 2018 a 2020 como costureira no ateliê dentro do presídio de Tremembé. Em 2020, após cometer uma infração considerada grave, a madrasta de Isabella voltou e voltou ao regime fechado.

Ana Carolina perdeu o direito do regime semiaberto (Foto: Divulgação)
Ana Carolina perdeu o direito do regime semiaberto (Foto: Divulgação)
Ana Carolina e Suzane Von Richthofen andam juntas no presídio (Foto: Divulgação)
Ana Carolina e Suzane Von Richthofen andam juntas no presídio (Foto: Divulgação)

Carolina Jatobá aproveitou um vídeo chama com os advogados para falar com seus familiares. A detenta foi pega e teve a regalia perdida.

VÍDEO YOUTUBE: GUERRA! Sonia Abrão rebate Catia Fonseca + Datena condenado + Fátima explode na Globo

Quem escreve

Barbara Lira

Bárbara Lira é uma jornalista recém-formada que sempre foi apaixonada por escrever boas histórias. Amar e ser realizada no trabalho é o mais importante para ela. Seu objetivo é evoluir um pouco a cada dia, para conquistar cada vez mais espaço e notoriedade no mercado.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários