Werner Schünemann

Werner Schünemann
(Foto: Globo/César Alves)

Werner Schünemann

Werner Eduardo Schünemann, nasceu em Porto Alegre/RS, no dia 21 de fevereiro de 1959.

Biografia

Werner Schünemann é neto de alemães.

Nasceu em Porto Alegre mas foi criado em Nova Hamburgo.

O ator é graduado em História e dava aulas em uma escola de ensino médio.

Werner Schünemann se interessou pela política cinematográfica, e se tornou  presidente da Associação dos Cineastas do Rio Grande do Sul de 1997 a 1999 e, de 1999 a 2001, da Fundacine-Fundação de Cinema RS.

Carreira

Werner Schünemann começou no teatro aos 15 anos, em 1979, onde estreou com Forca: Os Fortes, texto de sua autoria.

Em 1982 estreou como roteirista e diretor em Coisa na Roda.

Após alguns anos se dedicando ao cinema, em 2001, Werner Schünemann foi para a Rede Globo, onde fez Jogos de Amor e do Acaso.

Em 2003, foi protagonista da minissérie A Casa das Sete Mulheres, no papel de Bento Gonçalves. No mesmo ano participou da novela Kubanacan.

Em 2004 entrou para o elenco de Começar de Novo e Senhora do Destino.

Werner Schünemann fez também América, Eterna Magia, Duas Caras, Beleza Pura, Passione, Lado a Lado, Babilônia e Haja Coração, onde viveu Guido Rigoni.

Em 2019, o ator foi escalado para a nova versão de Éramos Seis da Globo, no papel de Jorge Assad.

Vida Pessoal

Werner Schünemann foi casado por 23 anos com a figurinista Tânia Oliveira. o Casal teve dois filhos, Dagui Schünemann, Arthur Schünemann.

Filmografia

Cinema

1981 – Deu pra Ti Anos 70

1983 – Inverno Herói

1984 – Verdes Anos

1985 – Aqueles Dois

1988 – O amor nos anos 1990

1993 – O zeppelin passou por aqui

1995 – Deus ex-machina

1997 – O pulso

1999 – Tepê

1999 – 3 minutos

1999 – Ano novo

1999 – O velho do saco

2000 – Tolerância

2000 – O Branco

2001 – Netto perde sua alma

2002 – A paixão de Jacobina

2004 – Alma mater

2004 – Didi quer ser criança

2004 – Olga

2004 – Quase dois irmãos

2005 – Bens confiscados

2006 – O Cavaleiro Didi e a Princesa Lili

2008 – O Guerreiro Didi e a Ninja Lili

2008 – Netto e o Domador de Cavalos

2009 – Meninos de Kichute

2009 – Destino

2010 – Nosso Lar

2012 – A Hora e a Vez de Augusto Matraga

2015 – Vai que Cola – O Filme

2015 – O maníaco do Facebook

2016 – O Último Virgem

2017 – Bio

2018 – Primavera

Televisão

2001 – Apresentação de Curtas Gaúcho

2001 – Histórias Curtas – Caíque de Sousa

2001 – Contos de Inverno – Danilo Lopes

2002 – João Marcello (JM)

2003 – Kubanacan – Alejandro Rivera

2003 – A Casa das Sete Mulheres – Bento Gonçalves

2004 – Senhora do Destino – Comandante Saraiva

2004 – Começar de Novo – Anselmo Pessoa

2005 – América – Pedro Paulo Jordão

2006 – Dom – Augusto Barros

2006 – JK – Bernardo Sayão

2007 – Eterna Magia – Max

2007 – Amazônia, de Galvez a Chico Mendes – Rodrigo de Carvalho

2008 – Duas Caras – Humberto Silveira

2008 – Beleza Pura – Tomás da Silva Amarante

2010 – Passione – Saulo Gouveia

2012 – Lado a Lado – Alberto Assunção

2012 – As Brasileiras – Alberto Galhardo

2015 – Babilônia – Osvaldo Alvarenga Jr

2016 – Haja Coração – Guido Rigoni Di Marino

2017 – Tempo de Amar – Conselheiro Francisco Alcino

2018 – Z4 – Zé Toledo

2019 – Éramos Seis – Sr. Assad

Diretor e Roteirista

1982 – Coisa na roda

1984 – Me Beija

1988 – O Mentiroso

1997 – O futuro da terra

2001 – Os alemães do Rio Grande do Sul

2002 – O príncipe das águas

2003 – Mar doce Documentário

Teatro

1979 – Forca: os fortes

1981 – Erêndira

1983 – Priscas eras

1985 – Das duas uma

2003 – A Tomada de Laguna

2006 – Cassino coração

2009 – DNA, nossa comédia

2015 – Querido Brahms

Prêmios e indicações

1984 – Festival de Brasília – Melhor diretor – Vencedor

1988 – Festival de Brasília – Melhor filme – Vencedor

2001 – Festival de Brasília – Melhor ator – Vencedor

2003 – Grande Prêmio do Cinema Brasileiro – Melhor ator – Indicado

2003 – Prêmio Qualidade Brasil – RJ – Melhor Ator Revelação – Vencedor

2003 – Prêmio Qualidade Brasil – SP – Melhor Ator Revelação – Vencedor

2004 – Prêmio Contigo! de TV – Melhor Ator Revelação – Indicado

2004 – Troféu Leão de Ouro – Melhor – Melhor Ator Revelação

2005 – Cine Ceará – Melhor Ator – Vencedor

2010 – Prêmio Extra de Televisão – Melhor Ator Coadjuvante – Indicado

2010 – Prêmio Arte Qualidade Brasil – Melhor Ator Coadjuvante – Vencedor

2011 – Prêmio Contigo! de TV – Melhor Ator Coadjuvante – Indicado

Fotos de Werner Schünemann

Principais notícias

Werner Schünemann revela que quase morreu para dar vida a pedófilo em Passione

Record nega contato com o ator Werner Schunemann

Werner Schünemann é escalado para a próxima novela das seis na Globo

 

PUBLICIDADE