Celebridades

CelebridadesXuxa Meneghel

Xuxa é acusada de fraude, responde a processo e poderá pagar indenização de R$ 50 milhões

A apresentadora da Record, Xuxa Meneghel, está sendo alvo de uma ação judicial e pode pagar indenização milionária (Foto: Reprodução)
A apresentadora da Record, Xuxa Meneghel, está sendo alvo de uma ação judicial e pode pagar indenização milionária (Foto: Reprodução)
A apresentadora da Record, Xuxa Meneghel, está sendo alvo de uma ação judicial e pode pagar indenização milionária (Foto: Reprodução)
A apresentadora da Record, Xuxa Meneghel, está sendo alvo de uma ação judicial e pode pagar indenização milionária (Foto: Reprodução)

O empresário mineiro Leonardo Soltz acionou a justiça contra a apresentadora da Rede Record Xuxa Meneghel e está pedindo uma indenização milionária

A apresentadora da Rede Record Xuxa Meneghel, ex-rainha dos baixinhos, poderá ter que desembolsar uma indenização milionária, avaliada em cerca de cinquenta milhões de reais, em um processo movido pelo empresário de Minas Gerais Leonardo Soltz por conta de apropriação indevida pelo artista de personagens que teriam sido idealizados por ele.

De acordo com informações da colunista Fábio Oliveira, do jornal O Dia, Xuxa Meneghel poderá ter seus sigilos bancário e fiscal quebrados.

+Fátima Bernardes denuncia convivência ruim com William Bonner após 26 anos de casados

+Whindersson Nunes expõe grave doença no Fantástico e entrega drama: “Não encontrei um sentido”

+Record faz homenagem minúscula a Paulo Henrique Amorim, hipocrisia é escancarada e público detona

Veja também

No processo movido por Leonardo Soltz, ele alega que a empresa de Xuxa copiou personagens que ele havia apresentado a ela em um projeto relativo aos 500 anos do Descobrimento do Brasil, chamado ‘Turma do Cabralzinho’, com o patrocínio e uso dos personagens em formato de licenciamento para uma linha completa de produtos pela Baruel, comercialização de revistas em quadrinhos e bonecos de pelúcia, em ações promocionais com o Correios e maciças campanhas publicitárias nacionais, diz a colunista de O Dia.

Xuxa preferiu não comentar a ação judicial (Foto: Eduardo Martins/AgNews)
Xuxa preferiu não comentar a ação judicial (Foto: Eduardo Martins/AgNews)

Ainda segundo a jornalista, o empresário mineiro já teve a causa ganha na Justiça, no entanto, até o momento, o querelante não recebeu um centavo sequer, isso porque Xuxa Meneghel, mãe da influenciadora digital Sasha, tem recorrido em todas as instâncias possíveis e, em sua defesa, a apresentadora da Record diz não ter mais nenhum dos contratos e acordos firmados à época com o projeto.

Fábia Oliveira aponta também que, além do processo movido pelo empresário Leonardo Soltz, Xuxa Meneghel também é acusada por seu ex-sócio Luiz Claudio Lopes Moreira, com quem manteve parceria por cerca de duas décadas.

“Solicitamos de imediato a juíza titular da ação na Barra da Tijuca, Flavia Viveiros de Castro, a efetiva quebra de sigilo fiscal e bancário da Xuxa Produções. Isso para evitar que, depois destas mais de década e meia, possamos ser surpreendidos com uma empresa esvaziada e sem condições de nos pagar o que é devido e que será devidamente apurado pelo perito oficial incumbido do processo”, declarou o advogado Marcos Tulio Castro, que representa o empresário Soltz.

+Jonathan Couto ignora grande confusão e leva a filha que teve com Letícia Almeida para casa de Sarah

Em nota, a assessoria de imprensa da apresentadora Xuxa Meneghel disse que não comenta notas que envolvam questões judiciais.

https://www.instagram.com/p/BzwvnJApQKF/

VÍDEO YOUTUBE: Famoso é pego em sexo a 3 e esposa fala abertamente sobre traição

Quem escreve

Redação TV Foco

Redação TV FOCO publica notícias diariamente sobre o mundo do famosos e também da televisão. Especializado em números sobre a audiência da TV.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários