Celebridades

Par de Marieta Severo em O Outro Lado do Paraíso, Juliano Cazarré brinca: “Dona Nenê pira”

Juliano Cazarré vive o personagem Mariano na novela O Outro Lado do Paraíso. (Foto: Reprodução)
Juliano Cazarré vive o personagem Mariano na novela O Outro Lado do Paraíso. (Foto: Reprodução)

O ator Juliano Cazarré está de volta à televisão no papel do garimpeiro Mariano na atual novela das nove O Outro Lado do Paraíso, exibida pela Globo. Na trama ele se envolve com a vilã do folhetim, a personagem Sophia vivida pela atriz Marieta Severo.

Carinha de Anjo supera Apocalipse mais uma vez no Ibope

O bonitão usou as redes sociais para demonstrar um carinho com a companheira de cena e brincou com uma antiga personagem de Marieta, interpretada durante anos por ela no seriado A Grande Família, hoje extinto pelo canal carioca.

“Quando o Mariano veste uma camisa do Augustinho Carrara (papel de Pedro Cardoso na série), Dona Nenê pira. E com a regata de telinha por baixo… É muito charme, minha gente”, disse Cazarré na legenda da imagem, usando as tags #jalapãofashionweek  e #eushipo.

CLARA ARMA PARA SOPHIA SER PRESA:

Em O Outro Lado do Paraíso, novela da faixa das 21h da Rede Globo, Clara (Bianca Bin) iniciará sua vingança e Sophia (Marieta Severo) será um de seus primeiros alvos. Nos próximos capítulos da trama escrita por Walcyr Carrasco, Clara irá denunciar Sophia pelas péssimas condições de trabalho oferecidas na mina.

Raquel (Erika Januza), Bruno (Caio Paduan) e outra juíza, irão até o local averiguar a situação e ver se a queixa é mesmo real. “Trabalho escravo? Alguém aqui é obrigado a trabalhar com correntes nos pés?”, debochará Sophia ao saber da presença das autoridades. “Corrente no pé não”, responderá Mariano (Juliano Cazarré), irônico. “Mas vocês têm dívidas de alimentação e de roupas? “, questionará a juíza.

“Só sei que entra mês, sai mês, a dívida não acaba”, gritará um garimpeiro, mas Sophia se apressará e mandará o trabalhador calar a boca. “Se a gente for embora, a senhora manda a polícia atrás por dívida, não manda?”, dirá outro.

“Eu sou o lapidador. Não moro aqui não”, falará Juvenal (Anderson Di Rizzi). “Sorte sua. Dá pra ver que os alojamentos são um ninho de ratos”, avisará Clara, que estará no local. O amado de Estela (Juliana Caldas) dirá que dorme em um colchonete ao lado das máquinas e ao ser questionado se recebe hora extra, dirá que recebe uma porcentagem e ninguém tem salário fixo. “Eu só sei que chega o fim do mês e a gente recebe as miséria. Desconta isso, desconta aquilo”, dirá um garimpeiro, revoltado.

As juízas continuarão com a vistoria e ficarão horrorizadas com as condições de trabalho na mina. “Tem que ter adicional de periculosidade. O caso é sério. É mesmo questão de interditar a mina”, anunciará Raquel. Sophia perderá o controle e chamará Raquel de maldita várias vezes.

“Está presa. Por desrespeito à autoridade. Delegado”, chamará Raquel. Bruno então chegará com dois policiais. “Não ofende a Raquel! Está presa. Estende as mãos”, pedirá o marido de Tônia (Patricia Elizardo). “Não vai me prender, Bruno. Te vi de fraldas. Sujo. Agora quer me prender? Te dou uns tapas, moleque”, gritará Sophia, desesperada. “Ofendeu mais uma autoridade. Sou delegado. É cadeia. Segura ela. Toca pra delegacia”, anunciará ele.

“Tenha uma boa noite, Sophia”, dirá Clara, que começará a rir. “Você planejou tudo, não Clara? Você me denunciou ! Vai ter o troco. Maldita! Maldita”, gritará Sophia, enquanto é colocada dentro do carro e vaiada pelos funcionários.


Curta o TV Foco no Facebook!

PUBLICIDADE

Comentários recentes