Só coisa boa

Nova lei para todos os feriados e 3 aumentos beirando os R$ 300: Lula crava 3 vitórias aos CLT’s antes 2024


Trabalhadores via CLT podem ter jornada reduzida (Reprodução - Internet)

Os CLT’s podem comemorar pois em 2024, 3 vitórias chegam como alegria

O ano está acabando, muitas pessoas estão buscando novas formas de ganhar dinheiro, principalmente os CLT, que recebem diversos direitos trabalhistas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Uma nove lei voltará a ser discutida no ano que vem, além de 3 aumentos baseados no valor do salário mínimo que vão deixar todo mundo feliz.

Primeiro, segundo informações do UOL, a partir de 2024, o governo federal vai voltar a exigir algumas medidas para autorizar o trabalho dos CLT aos feriados em diferentes setores do comércio. O ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho, anunciou que será criada uma comissão de negociação com entidades de trabalhadores e empregadores sobre o tema.

Uma nova portaria, de nº 3.665, já foi publicada em 13 de novembro. No entanto, ela será será refeita com validade a partir de 1º de março do próximo ano.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


A portaria nº 3.665 estabelece que “é permitido o trabalho em feriados nas atividades do comércio em geral, desde que autorizado em convenção coletiva de trabalho e observada a legislação municipal”. Não houve nenhuma mudança com relação a abertura do comércio aos domingos, ou seja, mudança ao CLT.

Veja também

O QUE MUDA COM O NOVO SALÁRIO MÍNIMO PARA CLT?

O novo salário mínimo para o CLT deve ficar entre R$ 1.412 mesmo, apesar da proposta de Simone Tebet ter sido para R$ 1.421.

Independente do valor, com o aumento do salário mínimo ao CLT, três outros benefícios dos brasileiros também aumentam, e vamos falar sobre.

A diferença do salário de 2023 pro de 2024 é de R$ 92. Com a soma dos três benefícios que vamos falar logo abaixo, fica um total de R$276 a mais no CLT

13º salário

A primeira e mais óbvia mudança é a do 13º salário, que leva em consideração o salário mínimo para o seu cálculo. Quem completa 12 meses de trabalho recebe o valor completo.

Pis/Pasep

Segundo a Folha de São Paulo, o abono salarial do PIS/Pasep pode ser recebido por trabalhadores de empresas privadas e públicas que têm renda de até dois salários mínimos, exerceram a atividade remunerada por pelo menos 30 dias no ano-base e sejam cadastrados no Fundo de Participação PIS/Pasep há, no mínimo, cinco anos.

O cálculo multiplica 1/12 do salário mínimo válido na data do pagamento pelo número de meses trabalhados no ano correspondente.

Seguro desemprego

O valor mínimo da parcela do seguro-desemprego também é igual a um salário mínimo, ou seja, aumentará para R$ 1.412. Para calcular o benefício pago ao trabalhador, o governo apura a média dos três salários anteriores à demissão e, depois, aplica um redutor, conforme a faixa da remuneração.

🚨 Exclusivo: Bia derruba campeões do BBB e Davi 'afunda' + venda da Globo? + Eliana rival de Portiolli         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

CLT

Prazer, sou Bruno Zanchetta, formado em Jornalismo pela Universidade Metodista de São Paulo. O Jornalismo é a minha vida e está presente nas 24 horas do meu dia. Faço matérias diversas sobre carros luxuosos, veículos impressionantes e até sobre coleções curiosas Email: bruno.zanchetta@otvfoco.com.br