Rival da C&A, queridinha dos shoppings e +1: A falência devastadora de 3 varejistas ao sucumbirem a crise


3 varejistas fecharam as portas no Brasil (Foto: Reprodução/ Internet)

Varejistas fecharam as portas no Brasil

Abrir um negócio não é uma das tarefas mais fáceis do mundo. Isso porque uma série de situações podem levar ao fim de uma grande empresa. Dessa vez, por exemplo, citaremos a falência de 3 varejistas, uma delas rival da C&A, que sucumbiram a crise financeira.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Falaremos sobre o fim de uma grande marca de roupas. A Pakalolo, que ficou conhecida por colocar personagens da Disney em suas roupas, explodiu em 1987 nas principais capitais e conseguiu o licenciamento com a empresa americana para atrair ainda mais clientes com os personagens infantis.

A Pakalolo, rival da C&A, era tão grande que em seu auge abria uma loja por semana no Brasil. De acordo com informações do portal O Globo, o problema é que os itens da empresa começaram a cair em desuso e ela simplesmente desapareceu do mercado, pedindo falência em 1995.

Falência, Pakalolo
A rival da C&A e a Riachuelo encerrou as atividades nos shoppings brasileiros (Foto: Divulgação / Pakalolo)

Outra varejista que fechou as portas foi a Natan Joias. A falência foi notificada pelo G1 em 2013. Na época, o juiz Fernando Cesar Ferreira Viana, da 7ª Vara Empresarial do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), decretou a falência da joalheria Natan, segundo informou a assessoria do TJ.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


O magistrado revogou o pedido de recuperação judicial, concedido a varejista, porque, segundo informou na sentença, a empresa não conseguiu cumprir os requisitos econômicos, contábeis e jurídicos no curso do processo, segundo o tribunal. A decisão surpreendeu todo mundo.

Veja também

Vale lembrar que uma queridinha dos shoppings também fechou as portas. Para quem não sabe, estamos falando sobre a Saraiva. Segundo informações do UOL, a 2º Vara de Falências e Recuperações Judiciais de São Paulo decretou, outubro de 2023, a falência da rede de livrarias Saraiva.

Falência
A livraria Saraiva teve falência decretada pela Justiça (Foto: Divulgação)

O pedido de falência foi realizado pela própria empresa dentro do processo de recuperação judicial, ajuizado em 2018 em razão de dívida de R$ 674 milhões. A empresa pediu a autofalência por reconhecer que não conseguia pagar as dívidas. Assim, a decisão foi acatada chocando.

Qual a diferença entre falência e recuperação judicial?

A principal diferença está na continuidade ou não do empreendimento. No caso da recuperação judicial, se ganha tempo para recuperar a capacidade de gerar resultados na empresa. Por outro lado, na falência, não existe a reestruturação do negócio e ele acaba fechando as portas.

🚨 Davi troca medicina por programa na TV + Piovani ESCULACHA Neymar + Mion reage a boatos de traiç@o         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Eu sou Kelly Araújo, formada em Biologia pelo IFCE e atualmente estudo Engenharia de Produção Civil na mesma instituição. Escrevo sobre televisão e o universo dos famosos desde o ano de 2014. Sou apaixonada por falar sobre os bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos nas redes sociais e amo assistir um reality show de confinamento. Minhas redes são: Email: kelly.araujo@otvfoco.com.br