EITA

Insalubridade e carne com larvas: Açougue e 2 padarias são lacradas pela Vigilância e desmascaradas pela Globo

23/05/2024 às 21h50

Por: Kelves Araújo
Imagem PreCarregada
Vigilância Sanitária fez autuação contra 3 grandes empresas (Foto: Reprodução/ Internet)

A Vigilância Sanitária atuou contra 2 padarias e um açougue e pegou todo mundo de surpresa

A Vigilância Sanitária tem o papel de proteger a saúde da população realizando ações e serviços para promoção, proteção e recuperação da saúde. Nessa matéria, por exemplo, falaremos da atuação do órgão contra um açougue e duas padarias. Os casos acabaram virando notícia dentro em um importante jornal da Globo.

Siga o Tv Foco no Telegram

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Padaria 1:

Em abril de 2024, segundo o G1, portal do Grupo Globo, foi informado que uma padaria foi interditada e o dono foi preso em Cachoeiro de Itapemirim, no Sul do Espírito Santo, após serem encontradas diversas irregularidades, como instalação insalubre e produtos sem condição de consumo.

Segundo a Vigilância Sanitária Municipal, os donos da panificadora foram notificados, autuados e tiveram o local interditado, mas insistiram em reabrir a fábrica. Assim, o órgão voltou ao local, com apoio da Guarda Municipal. A equipe apreendeu produtos e encaminhou os donos à delegacia.

Siga o Tv Foco no WhatsApp

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


A vigilância sanitária costuma realizar fiscalizações frequentes (Reprodução: Internet)
A vigilância sanitária costuma realizar fiscalizações frequentes (Reprodução: Internet)

De acordo com o Boletim de Ocorrência, foram apreendidos 4 kg de preparo para produtos de panificação; 11 unidades de fermentos biológicos seco; 3 latas de óleo; 3 sacos de produtos diversos; 9,3 kg de margarina; 3,8 kg de sal amoníaco; 30 kg de açúcar; além de 2 caixas contendo embalagens plásticas e rotulagens diversas.

Veja também

Regras para reabrir:

Para reabrir, a Vigilância Sanitária exigiu que fossem cumpridas algumas medidas:

  • Limpeza do local;
  • Organização;
  • Instalação de teto, piso e parede de cor clara e lavável;
  • Acondicionamento de matéria-prima em lugar limpo;
  • Limpeza adequada dos utensílios utilizados;
  • Padeiros devidamente uniformizados;
  • Utilização de água potável e filtrada.

Pronunciamento:

Não foi encontrado nenhum pronunciamento por parte da empresa, mas o espaço segue em aberto para atualização da nota.

Padaria 2:

Além disso, o G1 noticiou em abril de 2024, sobre o dono de uma padaria que foi preso em flagrante por consumo inadequado de água e energia. O estabelecimento, localizado na Avenida Nuno de Assis, em Bauru (SP), também foi interditado por manter e comercializar mercadorias e alimentos em condições impróprias.

Segundo o boletim de ocorrência, equipes do Departamento de Água e Esgoto (DAE) de Bauru identificaram atividades suspeitas na panificadora e foram até o local. O proprietário reagiu de forma violenta e destruiu um veículo da autarquia e lançando uma maleta de ferramentas no rio Bauru.

Padaria foi interditada pela Vigilância Sanitária (Foto: Reprodução/ Internet)
Padaria foi interditada pela Vigilância Sanitária (Foto: Reprodução/ Internet)

Na ocasião, a polícia foi acionada e o dono da padaria preso. Além da irregularidade na água, também foram encontradas condições higiênicas precárias dentro do estabelecimento. Matérias-primas vencidas, mal embaladas e a presença de fezes de ratos pelo solo.

Pronunciamento:

Também não foi encontrado nenhum pronunciamento sobre a empresa em questão, mas o espaço permanece em aberto para atualização da nota.

Açougue:

Ainda segundo o G1, a Polícia Civil fechou cinco lojas de uma rede de açougue em Itanhaém (1), Mongaguá (2) e Peruíbe (2), no litoral de São Paulo. Durante a operação, aproximadamente 10 toneladas de carnes estragadas foram descartadas.

Segundo o portal de notícias da Globo, as carnes impróprias para consumo eram divididas em porções, reembaladas e revendidas a baixos custos. Alguns dos alimentos, inclusive, estavam com larvas, moscas, bolor e coloração escura.

Vigilância Sanitária fez operação contra açougue (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)
Vigilância Sanitária fez operação contra açougue (Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

As investigações foram iniciadas após uma série de denúncias contra os açougues. De acordo com a Polícia Civil, sete unidades foram autuadas pela Vigilância Sanitária e peritos criminais por falta de licenças, problemas estruturais e de armazenamento. Destas, cinco foram interditadas.

Interdição:

A Vigilância Sanitária destacou na ocasião que os estabelecimentos interditados só poderiam reabrir depois de realizarem as adequações necessárias para o funcionamento.

Pronunciamento:

Na ocasião que a notícia saiu, o portal de notícias da Globo tentou contato com a Casa de Carnes Boi, mas não a localizou a empresa. Entretanto, nosso espaço segue em aberto para atualização da nota.

Como fazer uma denúncia a Anvisa?

Para fazer uma denúncia, é preciso preencher o formulário eletrônico descrevendo o fato e detalhar as informações, a fim de possibilitar a apuração da denúncia. A denúncia, quando possível, dever conter fotos ou materiais que possam demonstrar os fatos relatados.

🚨 Luto! Ralf sabia que irmão ia morrer + Datena fracassa + Sensitiva crava sobre Silvio   

Autor(a):

Eu sou Kelves Araújo, graduando em Engenharia de Produção Civil pelo IFCE. Apaixonado pelos bastidores da TV, gosto de acompanhar a vida dos famosos e escrever a respeito. Atuo na área desde o ano de 2019, e exerço meu trabalho com muito entusiasmo por gostar do que faço. Minhas redes sociais são: e-mail: kelvis.oliveira@otvfoco.com.br

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.