TV Foco

TV Foco

‘Barriga de Aluguel’ estreia em dezembro; Relembre os personagens

Um grande sucesso dos anos 1990 volta à TV no dia 1º de dezembro no Canal Viva. Barriga de Aluguel, de Glória Perez, conta o drama familiar de duas mães – interpretadas por Cláudia Abreu (41) e Cássia Kiss Magro (53) -, e um único filho, e levanta uma questão polêmica: quem deveria ficar com o bebê? A mãe biológica ou a que gerou e deu à luz? A trama foi exibida na Globo de 1990 a 1991, quando Cláudia Abreu tinha apenas 20 anos e Cássia 32.

A novela conta a história de Ana (Cássia) e Zeca (Victor Fasano), um casal apaixonado que sofre por não poder ter filhos. Para realizar o sonho, eles contraram a dançarina Clara (Cláudia) como “barriga de aluguel”. Mas a mãe “emprestada” se apega ao bebê e acaba tendo um parto difícil, que a deixa estéril. Clara resolve fugir com o menino em vez de entregá-lo ao casal, iniciando uma dolorosa batalha judicial.

A trama traz no elenco ainda Mário Lago, Beatriz Segal, Humberto Martins e Eri Johnson, entre outros, embalados pelo sucesso Aguenta Coração, de José Augusto.

Relembre os personagens principais!

 

Veja também

Cássia Kiss Magro (Ana), Victor Fasano (Zeca), Claudia Abreu (Clara) e o bebê

Clara (Cláudia Abreu) é dançarina e aluga o útero por 20 mil dólares, mas se apega ao bebê e desiste de entregar a criança ao casal Ana (Cássia Kiss Magro) e Zeca (Victor Fasano)

Cássia Kiss Magro é Ana, casada com Zeca (Victor Fasano), sonha em ser mãe, mas não consegue engravidar e recorre à ‘barriga de aluguel’

Zeca (Victor Fasano) contrata uma ‘barriga de aluguel’ para realizar o sonho de ter um filho com a mulher, Ana

Cássia Kiss Magro (Ana), Victor Fasano (Zeca), Claudia Abreu (Clara) e o bebê

Humberto Martins é João dos Santos; ele formará par romântico com a personagem de Denise Fraga





 

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários