Colunas

ColunasLigado na TV

Cinco novelas em que Juliana Paes brilhou com suas personagens

Bibi (Juliana Paes) em cena de "A Força do Querer" (Foto: Divulgação/Globo)
Juliana Paes interpretou Bibi Perigosa em A Força do Querer (Foto: Divulgação/Globo)
Juliana Paes interpretou Bibi Perigosa em A Força do Querer (Foto: Divulgação/Globo)
Juliana Paes interpretou Bibi Perigosa em A Força do Querer (Foto: Divulgação/Globo)

Um dos destaques de A Força do Querer, que termina nessa sexta-feira (20), foi a atuação de Juliana Paes. A atriz deu vida a personagem Bibi Perigosa, cujo amor cego por um bandido tornou-se um dos núcleos de maior repercussão do folhetim escrito por Gloria Perez e dirigido por Rogério Gomes. Nesse sentido, a coluna separou cinco novelas em que a atriz brilhou com suas personagens.

Em sua primeira novela oficial, Laços de Família (2000-2001), Juliana Paes interpretou a doméstica Ritinha. Na época, a morena chamou tanto a atenção do público que sua personagem cresceu ao longo dos capítulos da trama e ganhou história própria, o que provocou até certo ofuscamento de demais personagens. Assim, foi o primeiro trabalho em que a atriz se tornou conhecida do público.

Maya de Juliana Paes ficou dividida entre os personagens de Marcio Garcia e Rodrigo Lombardi em Caminho das Índias
Maya de Juliana Paes ficou dividida entre os personagens de Marcio Garcia e Rodrigo Lombardi em Caminho das Índias (Foto: Divulgação/João Miguel Júnior)

O ano de 2009 marcou a primeira protagonista de Juliana Paes na novela Caminho das Índias. Sua personagem Maya se viu dividida entre a paixão por Bahuan (Márcio Garcia) e o amor construído com Raj (Rodrigo Lombardi). Apesar de certa resistência do público especialmente pelo romance de Maya com Bahuan, a atuação de Juliana convenceu e fez sucesso.

Em Gabriela, versão de Walcyr Carrasco exibida em 2012 às 23h, a atriz interpretou o papel emblemático que já foi de Sônia Braga. Gabriela era uma jovem que vivia sem se importar com os costumes da sociedade conservadora da década de 1920. As cenas de Juliana na trama marcaram-se pela sensualidade e ousadia.

+ Ligado na TV: Record se envolve em polêmica e é atacada pelo público na Internet

Veja também

Poucos anos depois de estrelar Gabriela, Juliana encarnou sua primeira vilã. Em Totalmente Demais (2015), Carolina Castilho foi a pedra no sapato da mocinha Eliza (Marina Ruy Barbosa). A personagem acabou se redimindo e ganhou um final feliz. Por sua vez, Juliana teve sua atuação consagrada pela crítica e pelo público.

Juliana Paes em Meu Pedacinho de Chão (Foto: Divulgação/TV Globo)
Juliana Paes em Meu Pedacinho de Chão (Foto: Divulgação/TV Globo)

Para encerrar a lista da coluna, há que se destacar a personagem Madame Catarina em Meu Pedacinho de Chão (2014). A fábula exibida no horário das 18h da Globo contou com grandes atuações, sendo a de Juliana uma das melhores. Com o sotaque caipira carregado e alguns tiques, a personagem era esposa do Coronel Epa (Osmar Prado) e participou de grandes dramas ao longo da novela. Em meio a grandes nomes e um elenco afiado, Paes manteve uma atuação impecável.

Depois de Bibi Perigosa, sem dúvida a estrela só irá crescer, com méritos.

Críticas e/ou sugestões? Contatos:

danyllo@otvfoco.com.br

@JuniorDanyllo | @Ligado_na_TV

As opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do TV Foco

VÍDEO YOUTUBE: Faustão é cortado na Band e produção tem demissão em massa

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários