Celebridades Chitãozinho e Xororó TV Foco

Escândalo da separação de Chitãozinho vai parar em programa do SBT e vira caso de justiça: “garota de programa”

Chitãozinho abriu processo contra Hebe Camargo em 2000, depois que sua namorada foi ofendida ao vivo pela apresentadora no SBT (Montagem: TV Foco)
Chitãozinho abriu processo contra Hebe Camargo em 2000, depois que sua namorada foi ofendida ao vivo pela apresentadora no SBT (Montagem: TV Foco)

Em outubro de 2000, Hebe Camargo levou ao seu programa do SBT a ex-mulher de Chitãozinho, Adenair, e ao vivo a apresentadora expôs a separação do casal e ofendeu publicamente a namorada do sertanejo na época, a cantora Márcia. O caso foi parar na justiça e teve desfecho um dia antes da morte da apresentadora

No final de setembro de 2000, Hebe Camargo deixou todos boquiabertos ao levar para seu palco do SBT a ex-mulher de Chitãozinho, junto com seus filhos e transformou a separação do casal e uma pauta para lá de polêmica em sua atração.

Durante seu programa ao vivo, além de expor a crise do casal, Hebe Camargo também ofendeu a namorada de Chitãozinho na época, Márcia Alves, com quem o sertanejo já estava em um relacionamento há um ano e com se casou e teve um filho anos depois. Márcia, ex-integrante do Banana Split, e Chitão estão casados até hoje e vivem juntos em Campinas, interior de São Paulo.

Sem papas na língua, Hebe disparou ao vivo em seu programa que sabia que Chitão ficaria bravo com ela e que estava acostumada a “comprar brigas”. Ainda no decorrer de sua atração, Hebe chegou a se referir de Márcia usando os termos: “aquela coisa”, “garota de programa” e ainda comparou a namorada de Chitãozinho, com a personagem Capitu, da novela Laços de Família da Globo, que escondia da família que ela prostituta de luxo.

A reação do irmão de Xororó foi imediata, o sertanejo acionou os advogados e entrou com um processo contra Hebe:“Nunca pensei que a Hebe fosse fazer isso comigo. Foi uma traição.” disse Chitão ao jornal Folha de São Paulo de novembro de 2000.

Hebe Camargo foi condenada a pagar indenização salgada à esposa de Chitãozinho, um dia antes de morrer (Montagem: TV Foco)
Hebe Camargo foi condenada a pagar indenização salgada à esposa de Chitãozinho, um dia antes de morrer (Montagem: TV Foco)

Resultado do processo

Doze anos se passaram, e um dia antes de sua morte, no dia 28 de setembro de 2012, Hebe foi condenada pela justiça a pagar R$186 Mil para a esposa de Chitãozinho. Além disso, a apresentadora também teve que arcar com os custos do processo que somados chegariam a quase, R$224 Mil.

Com a morte da apresentadora, o valor poderia ser abatido pelos bens deixados em seu testamento. Na época a assessoria de Chitãozinho chegou a publicar uma nota, lamentando a morte da apresentadora e explicando que todos os desentendimentos com a apresentadora foram resolvidos ainda em vida.

“Chitãozinho e Márcia Alves, assim como todo Brasil, sentiram muito a perda daquela que foi a maior apresentadora de televisão de todos os tempos. O casal deseja que Hebe descanse em paz e que a família da artista seja respeitada nesse momento de sofrimento e dor. Ressaltamos que qualquer tipo de desentendimento do passado já havia sido superado há tempos.”

Hebe, Chitãozinho e Xororó em um dos seus programas (Imagem: Divulgação)
Hebe, Chitãozinho e Xororó em um dos seus programas (Imagem: Divulgação)

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Redação TV Foco