Colunas desceu Subiu

Fátima Bernardes, “A Força do Querer”, Luciano Huck, “MasterChef” e Gugu estão no “Subiu, desceu” da semana

Veja o “Subiu, desceu” da semana (Foto montagem: TV Foco)

SUBIU =)

MASTERCHEF
O “MasterChef” da Band tem sido utilizado quase que de forma exaustiva pela emissora. Verdade? Sim, é. No entanto, o programa segue mantendo-se como sucesso de faturamento e audiência no canal. Hoje a competição é a principal audiência da emissora que não acumula nenhum outro sucesso atualmente. O grande segreto do “MasterChef” está em ensinar algo e servir como uma atração sem apelação, na qual toda a família pode assistir sem preocupações ou constrangimentos.

PAOLLA OLIVEIRA
A atriz Paolla Oliveira vive o seu melhor papel como Jeiza da novela das nove “A Força do Querer”. Ainda é muito cedo para dizer isso, mas é fato que a Globo parece ter entendido que a atriz pode muito mais do que simplesmente chorar e sofrer como a maioria de suas mocinhas interpretadas ao longo de sua bela carreira. Paolla Oliveira vive o papel de uma polícial na novela de Gloria Perez e, além de sua melhor forma física, tem se mostrado por inteira nas cenas e atraindo uma legião de fãs.

MALHAÇÃO
A estreia de “Malhação – Viva a diferença” na Globo na última segunda-feira (8) chamou a atenção. A nova temporada que vai abordar a diferença de vida de alguns jovens, principalmente na escola pública e particular, iniciou seu primeiro capítulo mostrando um parto dentro do metrô. A cena foi feita com maestria e simplesmente impressionou pelo nível de cuidado e detalhe. O bebê utilizado em cena precisou passar por uma reanimação para sobreviver ao parto. Foi de arrepiar. Elenco, produção e direção estão de parabéns!

GLORIA PEREZ
Gloria Perez tem dado um verdadeiro show como autora de “A Força do Querer” na Globo. A novela da autora tem abordado os mais diversos temas da sociedade como vícios, transexualidade, violência, dentre outros com maestria. O fato é que depois de tantas novelas com pouco apelo e com muito mais pompa do que história, o horário das nove parece ter finalmente ganhado um produto a sua altura. A fórmula da trama é muito bem sacada e segue o DNA de Glória Perez que faz de suas tramas um verdadeiro noticiário da vida real.

Leia todas as edições da coluna clicando aqui! 

DESCEU =(

GUGU
Atualmente nas quartas-feiras da Record, Gugu tem boa audiência, mas segue no dia errado. Gugu deveria voltar aos domingos, onde tudo se consolidou e no dia do qual ele tem uma linguagem apropriada. O público efetivamente precisava de outro tipo de conteúdo para uma quarta-feira. Não histórias de reencontros, mas game-shows, grandes entrevistas e coisas do gênero. Gugu tem feito boas entrevistas, mas isso não basta para segurar o público. O palco também precisa ser mais utilizado.

ATUAL CARREIRA DE ATOR
O atual momento da carreira de ator apenas fortalece o “que mar não está para peixe”. Tanto na Globo como na Record, onde mais se produzem novelas, atores e atrizes vêm sofrendo a famosa “desvalorização”. O que quero dizer é simples. Grandes nomes da TV como Maitê Proença, Luiz Fernando Guimarães, dentre outos, perderam seus vínculos de décadas com as emissoras. Isso significa que só vão ganhar se trabalharem, justo? Sim. Mas todos esses artistas têm suas contas como qualquer ser humano e deveriam ser convidados a ter discutido “alternativas” para seus respectivos contratos, antes de um simples: “Tchau”.

FÁTIMA BERNARDES
Fátima Bernardes precisa urgentemente rever com sua produção os temas e convidados de seu programa. Ao que parece a atração se resume aos assédios. Sim, é extremamente relevante discutir esse tema nos dias atuais, mas calma ai. O público já está ficando incomodando com a mesmice da atração. Fátima vem mostrando que é uma ótima apresentadora e pode muito mais. Ao assistir o programa, a sensação é que trata-se de uma “reprise”. Convidados quase que fixos ajudam a reforçar a ideia de que é necessário tentar novos voos.

LUCIANO HUCK
Válida a opção da Globo e do “Caldeirão do Huck” de apostarem em um novo quadro para o público de casa. Mas alguém precisa avisar o Luciano Huck que faltou emoção e suspense para comandar um game show. Luciano é um ótimo apresentador, mas a frente do “Quem quer ser um milionário?” (O antigo “Show de Milhão”), ele se mostrou pouco entregue. Faltou emoção, suspense e carisma da sua parte e dos participantes nem se fale. E claro, inevitável ver o programa e não se recordar de Silvio Santos em seu comando. Trata-se de dois formatos praticamente idênticos.

Por Aaron Tura | Texto opinativo que não reflete necessariamente a visão do TV FOCO

SIGA O TVFOCO NO INSTAGRAM E FIQUE POR DENTRO DE TUDO! CLIQUE/TOQUE AQUI.
;