Globo tenta salvar início de O Outro Lado do Paraíso e adota estratégias

12/11/2017 às 18h39

Por: Danyllo Junior
Imagem PreCarregada
Clara (Bianca Bin) em cena de O Outro Lado do Paraíso (Foto: Reprodução/Globo)
Clara (Bianca Bin) em cena de O Outro Lado do Paraíso (Foto: Reprodução/Globo)
Clara (Bianca Bin) em cena de O Outro Lado do Paraíso (Foto: Reprodução/Globo)

Apesar de manter índices semelhantes ao início de A Força do Querer em suas primeiras semanas, O Outro Lado do Paraíso, atual novela das 21h da Globo, começa a preocupar os executivos do canal carioca, os quais passaram a adotar algumas estratégias já utilizadas em ocasiões anteriores.

O Outro Lado do Paraíso começou com índices considerados satisfatórios para um início de novela das 21h, especialmente ao se pensar nos padrões atuais. Entretanto, com o passar dos capítulos, o folhetim de Walcyr Carrasco perdeu público, tanto nos dados de audiência da Grande São Paulo como no Painel Nacional de Televisão (PNT), que engloba números de um seleto grupo de telespectadores nas 15 principais metrópoles do Brasil.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

+ Ligado na TV: Com polêmica reacesa, relembre 3 casos de jornalistas semelhantes ao de William Waack

Em São Paulo, a novela de Clara (Bianca Bin) e Gael (Sérgio Guizé) marcou 35 pontos na estreia e atualmente tem registrado índices em torno de 29 e 32 pontos de média, porém, já chegou a perder, por décimos, para a trama das 19h da emissora (Pega Pega) – o que representa, em virtude do patamar dos números, um forte indicativo de audiência baixa do principal produto da emissora dos Marinhos. Já no PNT, a média nacional da novela caiu de 29 para 28 com os últimos capítulos.

Continua após o Veja Também

Veja também

Nesse contexto, a Globo intensificou as chamadas da novela ao longo de sua programação. Neste domingo (12), por exemplo, o alto escalão global aproveitou a transmissão da Fórmula 1 em Interlagos e fez Galvão Bueno convidar os telespectadores para assistirem ao capítulo dessa segunda-feira (13); aproveitou ainda para instruir os narradores do futebol, como Luís Roberto, para também convidarem os telespectadores para assistirem as emoções da “semana decisiva” da novela de Walcyr Carrasco.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

As chamadas de novelas pelos narradores da emissora em partidas de futebol são comuns, porém, a frequência vista neste domingo só ocorre em situações de alerta. Aqui, ressalta-se ainda que o nome da novela é uma das publicidades constantes pelos estádios de futebol do Campeonato Brasileiro.

Sabe-se que o folhetim está no início e que tem todos os recursos para alcançar índices ainda maiores de audiência, sobretudo quando a segunda fase da novela entrar em tela. Porém, é sempre importante destacar que as medidas tomadas pela emissora são essenciais para impedir uma possível bola de neve negativa.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Críticas e/ou sugestões? Contatos:

[email protected]

@Ligado_na_TV | @JuniorDanyllo | Instagram

As opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do TV Foco

🚨 Tati Machado titular do Encontro + Estrelas intocáveis da Globo + Datena fora da Band: "Não tem dinheiro"    

audiência da tv
bianca bin
Gael
Ligado na TV
noticias da tv
o outro lado do paraíso
Primeira página
TV Foco
Walcyr Carrasco
Danyllo Junior

Escreve artigos de opinião sobre televisão desde 2009. Enfermeiro, Mestrando da UFRN, autor de livro - Morte Gêmea - e contos, e apaixonado pelos afins da televisão. Integra a equipe do TV Foco/iG desde maio de 2013, assinando atualmente a coluna semanal ‘Ligado na TV’, na qual lança seu olhar sobre o curioso universo televisivo. (e-mail: [email protected])

Botão de fechar
Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.