TV Foco

Já? Geisy Arruda termina o namoro com o fazendeiro Diego Silva

O conto de fadas acabou! Depois de participar do quadroVai Dar Namoro, do programa O Melhor do Brasil,da Record, para achar seu príncipe encantado, Geisy Arruda teve um relacionamento com o fazendeiro Diego Vieira Silva, de 23 anos. Mas o príncipe já virou sapo.

A moça do vestido curto da faculdade Uniban que virou celebridade, revela que terminou o namoro de um mês e está solteiríssima.
“Eu terminei porque a distância estava atrapalhando demais. Nós só nos falávamos pela internet, além disso, não estava conseguindo conciliar minha agenda nem dar a atenção que ele merecia. Conversamos numa boa por telefone e ele concordou com tudo. Continuamos amigos.”
Mesmo sabendo que o rapaz morava longe, ele é de Frutal, em Minas Gerais, Geisy acreditou que a relação poderia dar certo.
“Eu acreditei que poderia dar certo, fui para Minas, conheci a família dele, passei três dias lá, mas ele tem oscompromissos dele lá e eu os meus aqui, nos falávamos pela internet, mas se for pra ter um namoro virtual, prefiro não namorar.”
Geisy revela ainda que não tem medo de que pensem que foi armação para atrair a mídia e garante que realmente tentou levar o namoro a sério.
“Quem acompanhou o programa sabe que era de verdade, que eu realmente queria levar o relacionamento a sério, mas como vou ficar todo fim de semana em casa sozinha? A internet ajuda muito, mas ficar conversando com o namorado só através dela, não dá.”
Mas quem pensa que Geisy está ‘fechada para balanço’ se engana, a loira segue firme na procura de seu príncipe encantado.
“Claro que não estou fechada para balanço, ainda quero alguém que possa me acompanhar,estar ao meu lado sempre. Continuo procurando meu príncipe encantado”, conclui.
Fonte: O Fuxico

Confira a audiência detalhada de todas as novelas da Globo semana a semana aqui

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Sobre o autor

Deivison Lima

Escreve sobre Televisão desde 2008