Celebridades Gugu Liberato

Justiça ordena que ex-companheira de Gugu receba pensão de R$ 100 mil por mês igual a mãe do apresentador

Rose Miriam e Gugu Liberato juntos tiveram três filhos (Foto: Reprodução)
Rose Miriam e Gugu Liberato tiveram três filhos (Foto: Reprodução)

A Justiça de São Paulo determinou que Rose Miriam di Matteo, ex-companheira de Gugu Liberato, receba pensão de R$ 100 mil por mês

A 9º Vara da Família e das Sucessões do Foro Central da Capital do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, determinou que a ex-companheira do apresentador da RecordGugu Liberato, Rose Miriam di Matteo receba uma pensão todos os meses, cujo valor deverá sair da fortuna do comunicador, que faleceu em novembro de 2019 – o artista deixou um patrimônio estimado em mais de R$ 150 milhões.

De acordo com informações da colunista Monica Bergamo, do jornal Folha de S.Paulo, a Justiça de São Paulo determinou que Rose Miriam di Matteo receba a pensão de R$ 100 mil por mês – o valor é próximo daquele que Gugu Liberato estipulou para sua mãe, Maria do Céu, em testamento.

“A decisão foi sensível ao momento que passa Rose Miriam. Após a morte de Gugu, que era o mantenedor dela e dos filhos, ela ficou sem recursos até para manter as despesas de casa, já que a inventariante do espólio é a irmã de Gugu, que não repassou absolutamente nada para Rose”, disse à Monica Bergamo o advogado Nelson William que, juntamente com João Vinícius Manssur, representou a ex-companheira de Gugu Liberato.

Gugu Liberato morreu em novembro do ano passado após sofrer um acidente doméstico enquanto consertava um aparelho de ar-condicionado. O comunicador despencou de uma altura de 4 metros, foi hospitalizado, mas teve morte cerebral confirmada por um neurologista brasileiro. O acidente aconteceu na residência do apresentador localizada em Orlando, nos Estados Unidos.

O acidente fatal que culminou na morte de Gugu Liberato comoveu o país e centenas de pessoas compareceram ao velório para se despedir do artista na Assembleia Legislativa de São Paulo. No entanto, menos de um mês depois do acontecido, Rose Miriam Di Matteo acionou a Justiça paulista solicitando o reconhecimento de sua união estável com o famoso, com quem ela manteve relação por duas décadas e teve três filhos. Rose e Gugu nunca oficializaram a união e o artista não incluiu sua companheira de longa data no testamento assinado por ele em 2011. Com isso, Rose acabou colidindo com os irmãos e os sobrinhos de Liberato, e o caso foi parar na Justiça, que acaba de dar parecer favorável à mulher.

Até o momento, a família do apresentador não se pronunciou sobre a determinação judicial.

Gugu Liberato, Rose Miriam di Matteo e os três filhos (Foto: Reprodução)
Gugu Liberato, Rose Miriam di Matteo e os três filhos (Foto: Reprodução)

TV Foco no Youtube

Sobre o autor

Redação TV Foco