Celebridades

Celebridades

Após assumir ser gay, Marcos Pigossi expõe verdade sobre boatos de relação com Rodrigo Simas: “Aconteceu”

Marco Pigossi revela desespero após boatos de romance com Rodrigo Simas
Marco Pigossi revela desespero após boatos de romance com Rodrigo Simas (Reprodução)

De acordo com ator, romance nunca aconteceu

Considerado uma das grandes celebridades do Brasil, Marco Pigossi abriu o jogo sobre sua sexualidade.

Em novembro do ano passado, o artista assumiu seu relacionamento com o cineasta Marco Calvani.

Desse modo, o ator falou abertamente sobre sua sexualidade durante uma conversa com o repórter João Batista Jr, da revista Piauí.

Durante o bate-papo, Marco Pigossi falou sobre sua jornada de autoaceitação e sobre sua trajetória na TV Globo.

Primeiramente, o artista falou sobre seu primeiro papel em Caras e Bocas. Na ocasião, ele dava vida ao personagem Cássio.

Veja também

“Aos 20 anos, eu estava realizando o grande sonho de trabalhar como ator na maior indústria de entretenimento do país, mas vivia um drama pessoal”, disse Marco Pigossi, que continuou:

“Sentia calafrio só de pensar que o público poderia desconfiar que a sexualidade do personagem e do ator era a mesma. Essa possibilidade me aterrorizava”, desmoronou o ator.

SUPOSTA RELAÇÃO AMOR

Além disso, Marco Pigossi falou sobre os boatos sobre sua possível relação com Rodrigo Simas.

Na ocasião, o ator afirmou que teve uma crise de pânico e ansiedade após a veiculação da reportagem.

“Quando estava no ar com a novela ‘Fina Estampa’, viajei para o Rio de Janeiro, onde faria gravações. Quando desembarquei no aeroporto, abri meu celular e li uma notícia: que eu estava tendo um relacionamento com um ator da mesma novela”, disse o famoso.

De acordo com o artista, a possível relação com Rodrigo Simas nunca aconteceu: “Era mentira absoluta. Chegava a dizer que nós nos ‘pegávamos’ nos bastidores. Era tudo invenção, mas as pessoas acreditam no que querem acreditar. Eu fiquei travado ao ler aquilo”.

CRISE É EXPOSTA

Desse modo, Marco Pigossi sofreu com a notícia. “Comecei a tremer e suar. Fui para o banheiro do aeroporto, me tranquei em uma cabine e comecei a vomitar”, disse ele, que continuou:

“Liguei para meu parceiro, chorando. Eu dizia para mim mesmo que minha carreira tinha acabado. Não conseguia sair dali”, disse o ator.

Para finalizar, o artista confirmou que ainda sofre com as sequelas da doença: “Passei a tomar antidepressivos e ansiolíticos. O pânico de sair do armário contra minha própria vontade ficou ainda maior”.

 

Quem escreve

Giovana Misson

Jornalista que trabalha com celebridades desde 2019. Admira o mundo das redes sociais e dos influenciadores e é apaixonada por deixar os leitores por dentro de tudo que rola no mundo dos famosos.

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários