Colunas

ColunasLigado na TVOpinião

OPINIÃO | Do sagrado ao profano: sem sucesso com Jesus, Record se volta à Fazenda

Emissora tem mudado seu foco (Foto: Divulgação/Record)
Record decidiu produzir terceira temporada de reality que dá dor de cabeça desde a sua estreia em 2019 (Foto: Divulgação/Record)
Emissora tem mudado seu foco (Foto: Divulgação/Record)
Emissora tem mudado seu foco (Foto: Reprodução/Record)

Após ter percorrido um caminho de sucesso “rumo à liderança” em meados de 2008, a Record não se viu mais tão confiante assim em busca do primeiro lugar de audiência entre as emissoras abertas do país. Pelo contrário, nos tempos atuais o canal de Edir Macedo tem sofrido para se manter concorrível com o canal de Silvio Santos na disputa pelo segundo lugar. Grande aposta da Record para retomar índices animadores, a novela bíblica Jesus tem evidenciado um desempenho aquém do esperado. Com isso, a emissora da Barra Funda já não consegue esconder seus esforços na promoção de suas “novidades”, dentre as quais a nova temporada de A Fazenda.

Apesar da divulgação intensa e da confiança da Record em seu novo folhetim bíblico, especialmente por se tratar da história de maior sucesso da Bíblia, a novela Jesus, escrita por Paula Richard, tem sido ofuscada em números de audiência pelo atual fenômeno As Aventuras de Poliana, escrita por Íris Abravanel. O folhetim infanto-juvenil do SBT tem cravado índices de audiência na casa dos 14 a 17 pontos de média, enquanto a trama bíblica de sua concorrente tem registrado índices na casa dos 10 a 12 pontos. Além disso, ressalta-se também o bom desempenho da reprise de Chiquititas, exibida logo após e claramente impulsionada pelos elevados índices registrados pela trama inédita.

Ninguém pode duvidar de que as ambições da Record com Jesus aproximavam-se da era Os Dez Mandamentos, na qual a emissora surfou em ondas elevadas de audiência e conseguiu, dessa forma, fomentar o patamar de vários produtos de sua grade. Nesse contexto, a Record obviamente não parará de divulgar e promover a novela Jesus, mas claramente já está mais interessada não em salvar o folhetim bíblico, mas em direcionar seus maiores esforços no planejamento, produção e divulgação de suas novas apostas.

SIGA O COLUNISTA @ JUNIORDANYLLO

A principal aposta sem dúvida atende pelo nome de A Fazenda. O reality show de maior destaque da emissora voltará em setembro em sua décima temporada. Além da aposta no novo comandante da atração, Marcos Mion, a emissora tem trabalhado forte nas negociações com os participantes. O foco da Record é trazer personalidades conhecidas que não passaram por outros formatos do gênero e também alguns ilustres ex-peões, como forma de celebrar a primeira década do reality show rural. Alguns nomes de peso já estão sendo especulados pela imprensa, embora o canal de Edir não os confirme.

Dudu Azevedo (Jesus) em cena da novela bíblica da Record (Foto: Reprodução/Record)
Dudu Azevedo (Jesus) em cena da novela bíblica da Record (Foto: Reprodução/Record)

+ Ligado na TV: Confira os 5 maiores acertos do Debate Presidencial da RedeTV!

Veja também

Dessa maneira, mais uma vez a Record oscila do sagrado ao profano em busca de angariar público e estabilizar seus fieis telespectadores. Isto reflete principalmente os momentos delicados concernentes aos seus números de audiência, mas também tem relação direta com a própria crise de identidade por que passa a emissora brasileira.

Twitter: @Ligado_na_TV  @JuniorDanyllo
Contato: danyllo@otvfoco.com.br
As opiniões emitidas neste texto são de inteira responsabilidade do autor, não correspondendo, necessariamente, ao ponto de vista do TV Foco

VÍDEO YOUTUBE: Patricia Poeta tem atitude absurda + Simaria dá recado sobre paixão por cunhado

TV Foco AO VIVO Acompanhe

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários