COMO É QUE É?!

Adeus: Lojas Pernambucanas tem o mesmo terror da Magazine Luiza e fim de serviço vital é confirmado em MAIO

28/05/2024 às 10h49

Por: Lennita Lee
Imagem PreCarregada
Varejista anuncia fim de serviço vital e vivencia terror similar ao da Magalu (Foto Reprodução/Montagem/Lennita/Tv Foco/Canva/Magalu/Engeplus)

Pernambucanas anuncia fim de um dos seus serviços mais vitais e consumidores são pegos de surpresa

E mais um caso de encerramento de serviço pegou clientes de surpresa neste mês de maio, dessa vez envolvendo um nome que raramente surge como foco nesses casos, a Loja Pernambucanas.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

Pois é, ela que é reconhecida como uma gigante do setor varejista, com mais de 500 lojas espalhadas pelos 15 estados do Brasil, anunciou o fim dos seus serviços da unidade de Criciúma, munícipio de Santa Catarina, região sul do país.

Segundo o portal Engeplus, no último dia 16, a loja que ficava localizada na Praça Nereu Ramos, não abriu as portas, os letreiros com o nome da empresa foram arrancados e um comunicado aos clientes deixado na fachada do estabelecimento indicando o que já estava implícito.

Pegos de surpresa!

A decisão sobre o encerramento desse serviço vital da região pegou não só os consumidores, mas até mesmo a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de surpresa.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


O presidente da CDL de Criciúma, André Luiz Santiago de Castro, informou que ninguém havia tomado conhecimento prévio da situação:

Veja também

“Não estávamos sabendo. Eu, pelo menos, não tinha nenhuma informação sobre o fechamento. É difícil analisar o que pode ter motivado esta decisão da empresa.

As grandes lojas possuem suas políticas muito diferentes de um comércio menor. Talvez seja algo estratégico”

Apesar de chocante, ele não interpreta esse movimento da Pernambucanas como um sinal de enfraquecimento do comércio do Centro da cidade:

“Enxergo como uma situação natural. Aquele ponto onde estava a Pernambucanas é grande e muito bem localizado.

Os comerciantes, inclusive, têm carência de locais como aquele. Então, acredito que em breve alguma nova empresa vai ocupar aquele espaço”

Ainda assim preocupa …

Apesar das palavras proferidas por André, não podemos descartar o fato de que um fechamento pode aterrorizar muitos consumidores e até mesmo novos varejistas que pretendem investir nesses locais.

Inclusive, essa situação da Pernambucanas nos faz lembrar de outro caso envolvendo a Magalu, que segundo o portal Tribuna do Norte, que também executou fechamento de unidade gigantesca na região do Rio Branco, no bairro da Cidade Alta, zona Leste de Natal.

Na época, a Magazine Luiza confirmou o encerramento das atividades da loja no local, direcionando os clientes para a unidade localizada na avenida Prudente de Morais, no bairro de Lagoa Seca.

Vale destacar, inclusive, que essa região de Natal também foi marcada por outros fechamentos, como podem ver através deste link.

Comunicado:

No recado fixado na fachada a empresa confirma o fim da sua atividade em Criciúma:

“Queridos clientes, venho comunicá-las (os) sobre o encerramento de nossas atividades em Criciúma. Obrigado por fazerem parte da nossa história

Ainda de acordo com o  Portal Engeplus, em uma nota oficial enviada, a Pernambucanas informou que esse movimento de fato foi estratégico e que tudo foi feito dentro dos conformes.

Veja abaixo a nota na íntegra:

“O fechamento da loja localizada no Centro de Criciúma, em Santa Catarina, faz parte da estratégia de avaliação de desempenho dos pontos de venda da companhia, prática comum no setor varejista.

A empresa reitera ainda que todo o processo de encerramento da unidade foi realizado dentro dos padrões de mercado.

Para os clientes, foi enviado um comunicado sobre o encerramento da unidade, assim como, o relacionamento com a marca que poderá continuar através dos canais digitais, já que estes atendem todo o Brasil”.

Vale destacar que em frente ao prédio onde estava instalado a loja da Pernambucanas, a Prefeitura de Criciúma planeja a construção de uma Praça Coberta.

As obras devem iniciar em julho e o investimento é de R$ 3 milhões.

Conforme o município, o objetivo do projeto é proporcionar um local para a realização de eventos, atraindo o público e, também, movimentando o comércio.

Quando a Pernambucanas foi fundada?

A Lojas Pernambucanas é considerada uma das mais antigas e tradicionais varejistas do país. De acordo com o portal da própria empresa, o ano do seu surgimento foi em 1909, na região de Recife, Pernambuco.

Importância:

Sua história é marcada por inovações revolucionárias e pioneiras em diversas fases de sua trajetória, com soluções que beneficiaram não apenas a empresa, mas que trouxeram impactos sociais e no setor varejista.

Uma curiosidade, por exemplo, é que ela foi a primeira a introduzir a leitura por código de barras no Brasil, no fim dos anos 80.

Referência no varejo nacional, a companhia tem contribuído ao longo das décadas para o desenvolvimento do Brasil, com antecipação de tendências e melhores práticas de mercado.

🚨 Ex de Nahim em gu3rra com filha do cantor + Faustão e Fernanda Montenegro esnobam a Globo + Fraude de Matteus 

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Meu nome é Lennita Lee, tenho 32 anos, nasci e cresci em São Paulo. Viajei Brasil afora, e voltei para essa cidade, afim de recomeçar a minha vida. Sou formada em moda pela instituição "Anhembi Morumbi" e sempre gostei de escrever. Minha maior paixão sempre foi a dramaturgia e os bastidores das principais emissoras brasileiras. Também sou viciada em grandes produções latino americanas e mundiais. A arte é o que me move ... Atualmente escrevo notícias sobre os últimos acontecimentos do cenário econômico, bem como novidades sobre os principais benefícios e programas sociais.

Utilizamos cookies como explicado em nossa Política de Privacidade, ao continuar em nosso site você aceita tais condições.