NÃO PERCA!

PIX de R$ 1,4 mil, melhor que o 14º salário: O comunicado do INSS e pagamento salvador confirmado em março


INSS confirma pagamento salvador em março (Foto: Internet)

PIX de R$ 1,4 mil: INSS confirma pagamento salvador em março; muitos não sabem que podem receber

Com a chegada de março, uma expectativa fervilha entre uma parcela dos brasileiros, ansiosos pela chegada de um benefício esperado como uma espécie de 14º salário já confirmada no INSS.

O Instituto Nacional do Seguro Social anunciou que, na próxima semana, os beneficiários terão a oportunidade de receber valores de até R$ 1,4 mil, um alívio para muitos.

Mas afinal, que pagamento é esse? Trata-se do abono PIS/PASEP, um auxílio tão aguardado que é considerado por muitos como um décimo quarto salário.

O calendário de pagamentos foi organizado para ocorrer de fevereiro a agosto, com as quantias sendo repassadas a partir do mês de nascimento do beneficiário.

Pis/Pasep INSS (Foto: Reprodução/ Internet)
Trabalhadores em festa com o pagamento do Pis/Pasep e confirmação do INSS (Foto: Reprodução/ Internet)

O abono do PIS/PASEP beneficiará aqueles que trabalharam durante o ano de 2022, desde que tenham atuado por pelo menos 30 dias com carteira assinada nesse período, recebendo uma remuneração de até dois salários mínimos por mês.

Veja também

Estima-se que aproximadamente 24,5 milhões de pessoas serão contempladas em 2024, embora muitos trabalhadores ainda desconheçam que podem receber o valor.

No mês de março, serão os nascidos em fevereiro que terão acesso ao abono PIS/PASEP, com o pagamento agendado para o dia 15, na próxima semana.

O cronograma de pagamentos prevê que a cada mês um novo grupo será contemplado, e a partir de abril, dois grupos serão beneficiados mensalmente.

Calendário do PIS/PASEP em 2024 (Reprodução: Internet)
Calendário do PIS/PASEP em 2024 (Reprodução: Internet)

Quem pode receber o PIS/PASEP?

O abono salarial do PIS/PASEP destina-se aos trabalhadores registrados, que possuem uma numeração específica vinculada à sua carteira de trabalho, sendo gerada automaticamente quando o cidadão registra sua carteira.

O PIS é destinado aos trabalhadores de carteira assinada, enquanto o PASEP é para os servidores públicos. Ambos são custeados pelo Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT).

Para ter direito ao abono salarial, é necessário atender a alguns critérios: O trabalhador deve ter trabalhado, no mínimo, por 30 dias com carteira assinada no ano-base, recebendo uma remuneração de até dois salários mínimos mensais.

Além disso, é preciso estar inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos e ter os dados informados corretamente pelo empregador à Relação Anual de Informações Sociais (RAIS) ou ao eSocial.

Todas essas exigências devem ser cumpridas no ano de referência para que o trabalhador tenha direito ao abono salarial, que, nesse ano, é o de 2022.

O valor do abono é de até um salário mínimo vigente no ano do pagamento, e o montante varia conforme a quantidade de meses trabalhados pelo beneficiário.

🚨 BBB24: Davi menosprezado por rivais + Globo "apaga" Bia + Mãe de Matteus desaprova Cunhã e é detonada    

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Autor(a):

Me chamo Ionara Santana. Sou estudante de Engenharia da Computação pela Universidade Federal do Ceará - UFC, Body Piercer e encontrei o amor e a vocação pela redação através do TV FOCO, integrando a equipe desde 2018. Gosto de escrever matérias sobre os mais diversos assuntos da televisão e do mundo das celebridades, principalmente quando se trata de Realities e Novelas. Minha meta é trazer notícias rápidas e objetivas. Minhas redes sociais são: Email: [email protected]