Notícias da Televisão

Notícias da Televisão

Guerra: Bacci, Datena e Sikêra Jr. podem sair do ar há qualquer momento e fim dos programas é decretado

Jonas Rossatto, empresário, quer tirar programas policiais do ar (Foto: Reprodução)
Jonas Rossatto, empresário, quer tirar programas policiais do ar (Foto: Reprodução)

Os programas da Record, Band e RedeTV! correm perigo de ser extintos da TV

Os apresentadores José Luiz Datena, Luiz Bacci, Sikêra Jr, que comando programas policiais, podem estar com os dias contados na televisão brasileira. Isso porque, o empresário Jonas Rossatto criou um projeto para proibir a exibição desse tipo de telejornal na TV aberta, das 6h às 22h.

O projeto ganhou o gosto popular rapidamente e em três meses, a ideia conquistou o apoio de 22 mil pessoas e agora será debatida pelo Senado Federal.

Em entrevista ao site Notícias da TV, Jonas afirmou que: “As informações exibidas neste horário na televisão, das 6h às 22h, são conteúdos que não deveriam estar passando, no meu ver. É um programa policial que abusa do linguajar de baixo calão, não respeita o princípio da inocência, as informações não são apuradas. Inúmeras vezes, os programas policiais fizeram linchamentos virtuais que acabaram se tornando reais”.

O EMPRESÁRIO SE BASEIA EM LEIS BRASILEIRAS

O empresário se respalda no ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) e na Lei de Abuso de Autoridade, sancionada pelo presidente Jair Bolsonaro no ano passado, para tirar os programas do ar.

Leia também: Viúva de MC Kevin destrói ao dizer quanto ele deixou de herança e expõe mensagens de Bacci: “Tinha interesse”

“Eles acusam as pessoas sem saber e as ofendem sem o menor pudor. Isso caracteriza que é um programa impróprio para crianças e adolescentes, para os nossos jovens que estão crescendo. O conteúdo é entregue pelo Estado, por causa da concessão. E existe o ECA, que proíbe este tipo de informação. Então, nada mais quero que se faça cumprir a lei”, explica.

Veja também

Rossatto não cita em nenhum momento os nomes de Datena, Luiz Bacci, Sikêra Jr, mas pontua que acredita que eles cometem “um claro abuso” nos programas.

“Usa [o crime] como um espetáculo para prender a atenção do telespectador e fazer com que o público consuma mais este tipo de conteúdo. Coloca uma violência e faz uma piadinha ou mostra meme para aquilo soar como mais leve. Mas, nada mais é do que uma forma de preconceito”, afirma o empresário.

Siga o TV FOCO no Google Notícias e receba as informações bombásticas da TV e dos famosos em primeira mão - Clique Aqui!

Comentários

Nossa política de comentários

Este espaço visa ampliar o debate sobre o assunto abordado na notícia, democrática e respeitosamente. Não são aceitos comentários anônimos nem que firam leis e princípios éticos e morais ou que promovam atividades ilícitas ou criminosas. Assim, comentários caluniosos, difamatórios, preconceituosos, ofensivos, agressivos, que usam palavras de baixo calão, incitam a violência, exprimam discurso de ódio ou contenham links são sumariamente deletados.

Ler comentários