VOLTA TRIUNFAL

Retorno TRIUNFAL: Varejista gigante reverte falência e ressurge das cinzas pra terror da Magalu após 33 anos


Varejista e logo da Magalu (Foto: Reprodução / Canva)

A falência de uma empresa deixa marcas que são difíceis de serem cicatrizadas. Porém, em alguns casos é possível ter uma reviravolta, foi o que ocorreu com uma varejista gigante, rival da Magalu.

Participe agora do nosso grupo exclusivo do Telegram

A empresa teve um retorno triunfal, revertendo o processo de falência e ressurgindo das cinzas para o terror da Magalu, que é uma das varejistas mais famosas do setor na atualidade.

SAIBA MAIS! Expulsa de shoppings de SP e terror de falência com 395 milhões: Maior varejista do Brasil apela pra sobreviver

Fundada pelo empresário Ricardo Nunes, em 1989, a Ricardo Eletro viu seu negócio bilionário ruir nos últimos anos. A empresa, que já teve mais de mil lojas espalhadas pelo país, teve a sua falência decretada.

Receba nossas notícias diretamente no seu WhatsApp


A Máquina de Vendas nasceu da união entre Insinuante e a Ricardo Eletro, ocorrida em 2010. Nos dois anos seguintes, comprou City Lar, Eletro Shopping e Salfer.

Veja também

A partir de 2016, reuniu todas essas marcas do varejo sob a bandeira Ricardo Eletro. Quando encerrou a operação das lojas físicas, demitiu 3.600 funcionários.

A Ricardo Eletro anunciava vários comerciais na televisão e o próprio dono da marca fazia questão de ser o garoto propaganda e oferecia descontos incríveis.

Porém, não demorou muito para a varejista entrar em declínio e os problemas na empresa se arrastaram durante anos.

Já em 2018, a varejista iniciou um processo de recuperação extrajudicial, então com uma dívida de R$ 2,5 bilhões de reais, quando conseguiu alongar prazos para pagamentos de débitos com bancos e outros credores.

Fachada da Ricardo Eletro, a varejista decretou falência (Foto: Reprodução / Internet)
Fachada da Ricardo Eletro, a varejista decretou falência (Foto: Reprodução / Google Maps)

MARCADA POR ESCÂNDALOS?

Pouco antes do pedido de proteção à Justiça, em 2020, Ricardo Nunes, chegou a ser preso sob suspeita de sonegação de impostos em operação realizada pelo Ministério Público de Minas Gerais. Foi posteriormente liberado.

Agora a varejista volta com outro nome: Nossa Eletro! Inclusive as duas primeiras unidades da nova bandeira foram inauguradas no estado de Minas Gerais após a empresa conseguir reverter sua falência na Justiça.

O objetivo é que até o fim deste ano tenha mais de 50 lojas. “A gente está refundando a empresa. Já abrimos duas e vamos abrir mais três lojas neste mês de abril”, disse o CEO da empresa, Pedro Bianchi ao portal Veja no dia 10 de abril de 2023.

A primeira loja Nossa Eletro, em Minas Gerais: serão 50 pontos de venda até o fim de 2024 (Foto: Reprodução / Internet)
A primeira loja Nossa Eletro, em Minas Gerais: serão 50 pontos de venda até o fim de 2024 (Foto: Reprodução / Maps)

O executivo revelou que a dívida da varejista está calculada atualmente em cerca de R$ 3 bilhões de reais. Ele também está buscando renegociar com a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional para realizar o pagamento de um passivo de mais de R$ 1,2 bilhão de reais.

“É uma negociação complexa, porque envolve o pagamento de dinheiro e ativos da empresa, mas eu quero quitar esses passivos todos. Não fui eu que fiz essa dívida, mas eu quero resolver isso”, afirmou o executivo, que entrou na operação após a compra da Máquina de Vendas pelo fundo de private equity Starboard, em 2019.

Pedro Bianchi, CEO da Ricardo Eletro, que passa a se chamar Nossa Eletro (Foto: Reprodução / Internet)
Pedro Bianchi, CEO da Ricardo Eletro, que passa a se chamar Nossa Eletro (Foto: Reprodução / Instagram)

RIVAL DA MAGALU RESSURGIU DAS CINZAS?

A nova identidade da rival da Magalu, é uma forma de dar um ar mais “coletivo” para a marca. A fundação da empresa é uma oportunidade para se desvincular da imagem de seu antigo dono, o empresário Ricardo Nunes, que vendeu sua participação no antigo conglomerado em 2019.

Como consta no site oficial da varejista, a Nossa Eletro é referência no varejo há mais de 30 anos. Focados em garantir os melhores e mais diversos produtos para as famílias brasileiras, como destaca a rival da Magalu, que está ressurgindo das cinzas, revertendo a falência e otimista com o que vem pela frente.

Tudo para a sua casa, tudo para a sua família! Com esse slogan, a varejista promete se consolidar cada vez mais em sua área de atuação, usando o combustível de 33 anos da fundação da marca, com anos de aprendizados e agora com uma gestão mais eficiente.

Portal da Nossa Eletro (Foto: Reprodução / Site da Marca)

O QUE ACONTECEU COM O ANTIGO DONO DA VAREJISTA RICARDO ELETRO?

Ricardo Nunes, fundador da Ricardo Eletro chegou a ser condenado por corrupção ativa, em 2011, pelo pagamento de propina a um auditor da Receita Federal, e foi preso ao lado da filha, em 2020, sendo acusado por sonegação de 400 milhões de reais.

Em 2022, o Ministério Público de Minas Gerais fez outra denúncia por suspeita de sonegação de mais R$ 86 milhões de reais.

Atualmente, o empresário dá cursos e palestras sobre gestão, marketing e vendas, e tem mais de 250 mil seguidores em seu perfil oficial do Instagram.

Desde 2019 ele não possui mais nenhum vínculo com a Ricardo Eletro, que agora atende pelo nome de Nossa Eletro.

Ricardo Nunes, fundado da Ricardo Eletro (Foto: Reprodução / Internet)
Ricardo Nunes, fundador da Ricardo Eletro (Foto: Reprodução / Instagram)

🚨 ESCÂNDALO: Atriz casada pegando Zé de Abreu + Flagra de sexo no SBT acaba em demissão + Buda vai ser pai?         

NOS SIGA NO INSTAGRAM

Logo do TvFoco

TV FOCO

📺 Tudo sobre TV e Famosos que você precisa saber.

@tvfocooficial

SEGUIR AGORA

Sou formado em Teatro, Produção Audiovisual e Jornalismo e completamente apaixonado por comunicação. Já atuei em emissoras de TV como Assistente de Produção e Redator em portais de entretenimento. Escrevo sobre televisão e seus bastidores, com responsabilidade, clareza, leveza e muito amor desde 2008. Mas a minha realização profissional está no Departamento de Novelas e Realities, no qual faço parte no TV Foco desde 2022. Além de Redator, atuo como Co-Apresentador das Lives do site no YouTube, às terças e sextas-feiras. Minhas redes sociais são: diego.laureano@otvfoco.com.br